59849 - Tópico: Futebol Feminino Internacional / Selecções  (Lida 35017 vezes)

TeamRocket37

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 25297
  • Team Rocket à velocidade da luz vai atacar o 38!
  • 07 de Março de 2019, 09:58
Rute Costa

Matilde Fidalgo
Sílvia Rebelo
Carole Costa
Ágata Pimenta (menos ruim)

Dolores Silva
Vanessa Marques
Cláudia Neto

Ana Borges
Diana Silva (Ana Capeta)
Jéssica Silva

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 8480
  • O SLB exige um presidente benfiquista.
  • 08 de Março de 2019, 04:17
Já me esquecia do 11 base. :estrelas:
(A bold estão as que para mim são titulares de caras.)

Rute Costa / Matilde / Sílvia / Carole / Ágata / Dolores / Cláudia Neto (Andreia Norton) / Vanessa / Ana Borges / Ana Capeta (Diana Silva) / Jéssica
No fundo, tirando a GR e as laterais o 11 é praticamente esse (o 11 depois muda por causa das adaptações que ele faz nas laterais).
E a Cláudia Neto, para ti não é titular de caras?
Eu punha a Cláudia a titular no meio campo, a Andreia e a Jessica a extremos e a Ana Borges a PL. Ou estou armado em FN?  ;D

Quanto as outras, a Catarina Amado no proximo ano tem de estar cá!
Que jogadoras do Braga acham que deveríamos (ou poderíamos...) atacar?

Eu ter posto a Cláudia Neto e a Norton a "disputar" o lugar é sinal que temos boas alternativas para o meio-campo. Também poderia ter feito isso com a Vanessa, mas essa nesta época subiu bastante de rendimento, e por isso a ponho como titular.

O habitat da Borges é encostada à linha (mesmo que seja a DD). Precisa de espaço para correr, é o tipo de jogo em que rende.
(A Norton julgo que onde fica melhor é como médio de ataque.)

Completamente de acordo sobre a Catarina Amado. (Benfiquista a 101%, seria o realizar do sonho dela.) Já devia ter vindo este ano.

O Braga... nos próximos tempos esqueçam ir lá buscar jogadoras.
O Salvador deve ter presas as que lhe interessam com contratos de vários anos.
(Para quem não se lembra, aziou forte e feio com as que vieram para cá:
"Não foi preciso, como fizeram outras atletas, desertar para outro clube, para Lisboa, para ganhar o primeiro título.")
Então a Vanessa é práticamente impossível. É a franchise player, a cara do futebol feminino do Braga.

JMiguel23

  • Iniciado
  • *
  • Mensagens: 590
  • 08 de Março de 2019, 10:59
Eu acho a Claúdia Neto a melhor jogadora portuguesa e com uma classe extra que outras não tem. Em condições normais tem de ser titular no meio campo.

Concordo com a equipa do Carlsberg87.
Escolheria como equipa base a seguinte:


                                       Diana Silva 
Jéssica Silva                                                        Ana Borges


                     Vanessa Marques     Cláudia Neto

                                     Dolores Silva


Ágata Pimenta   Sílvia Rebelo    Carole Costa   Matilde Fidalgo


                            Rute Costa/Patrícia Morais


Existem depois algumas nuances ou considerações:
 - Jogar com a Ana Borges a defesa direito e a Andreia Norton a extremo direito, retirando a Matilde Fidalgo.
 - Jogar com a Mónica Mendes (Milan) a defesa esquerdo no lugar da Ágata Pimenta. A Mónica Mendes é central mas é demasiado baixa para central. Tem jogado alguns jogos a defesa esquerdo.
 - A Diana Silva é a melhor ponta de lança actualmente mas demasiado franzina para algumas seleções de top que são muito mais fortes fisicamente. As alternativas tambem não são muito melhores: Carolina Mendes (jogo mais físico ou um "poste"), Ana Capeta (parecida à Diana Silva), Laura Luís (muito boa para o nível do campeonato português mas não chega para o nível internacional). Depois há algumas jogadoras jovens que podem crescer como a Catarina Amado (Estoril), Francisca Cardoso (Braga) ou até mesmo a Carlota Cristo (Benfica)

Jogadoras a ter atenção ou dar mais minutos:
     - Francisca Cardoso (Braga) segundo avançado ou extremo direito
     - Diana Gomes (Braga) central alternativa às titulares
     - Tatiana Pinto (Sporting) alternativa a Dolores Silva
     - Andreia Faria (Benfica) dentro de um ano vai ser habitué nos convocados e pode ser alternativa a Vanessa Marques ou a Cláudia Neto

JMiguel23

  • Iniciado
  • *
  • Mensagens: 590
  • 08 de Março de 2019, 11:29
Acrescentado...

- O lado esquerdo da defesa é uma das posições mais carenciadas da seleção, jogando adaptação por adaptação (Dolores ou Mónica Mendes), que tal experimentar a Matilde Fidalgo a defesa esquerdo e por a Ana Borges a defesa direito. Mesmo assim, apostaria na Ágata Pimenta.

- A Ana Leite foi um autentico flop no Sporting mas tem nome na liga alemã. É mais uma das avançadas que Portugal tem que são "assim-assim". Em jogos mais fáceis, podemos jogar com um 4-4-2, jogando com 2 avançadas "assim-assim" que Portugal tem ou avançar Vanessa Marques ou Cláudia Neto como segundo avançado. Há ainda a Telma (Marítimo).

- No futuro próximo não sei em que estado e a que nível estão jogadoras como a Suzane Pires (Marítimo) ou Nádia Gomes (Orlando Pride).

- Vamos ver como a Raquel Infante (Benfica) se vai impor no Benfica. Talvez seja a 3ª central da equipa e muito dificilmente terá espaço na seleção.

- Vejo a Kika Nazareth (Benfica) a entrar nesta seleção em 2 anos.
« Última modificação: 08 de Março de 2019, 11:40 por JMiguel23 »

Gradinni

  • Velha Glória
  • *****
  • Alenquer
  • Mensagens: 4678
  • Escusas de ficar descansado!
  • 08 de Março de 2019, 12:12
Já me esquecia do 11 base. :estrelas:
(A bold estão as que para mim são titulares de caras.)

Rute Costa / Matilde / Sílvia / Carole / Ágata / Dolores / Cláudia Neto (Andreia Norton) / Vanessa / Ana Borges / Ana Capeta (Diana Silva) / Jéssica
No fundo, tirando a GR e as laterais o 11 é praticamente esse (o 11 depois muda por causa das adaptações que ele faz nas laterais).
E a Cláudia Neto, para ti não é titular de caras?
Eu punha a Cláudia a titular no meio campo, a Andreia e a Jessica a extremos e a Ana Borges a PL. Ou estou armado em FN?  ;D

Quanto as outras, a Catarina Amado no proximo ano tem de estar cá!
Que jogadoras do Braga acham que deveríamos (ou poderíamos...) atacar?

Eu ter posto a Cláudia Neto e a Norton a "disputar" o lugar é sinal que temos boas alternativas para o meio-campo. Também poderia ter feito isso com a Vanessa, mas essa nesta época subiu bastante de rendimento, e por isso a ponho como titular.

O habitat da Borges é encostada à linha (mesmo que seja a DD). Precisa de espaço para correr, é o tipo de jogo em que rende.
(A Norton julgo que onde fica melhor é como médio de ataque.)

Completamente de acordo sobre a Catarina Amado. (Benfiquista a 101%, seria o realizar do sonho dela.) Já devia ter vindo este ano.

O Braga... nos próximos tempos esqueçam ir lá buscar jogadoras.
O Salvador deve ter presas as que lhe interessam com contratos de vários anos.
(Para quem não se lembra, aziou forte e feio com as que vieram para cá:
"Não foi preciso, como fizeram outras atletas, desertar para outro clube, para Lisboa, para ganhar o primeiro título.")
Então a Vanessa é práticamente impossível. É a franchise player, a cara do futebol feminino do Braga.
O FT disse aqui há um tempo que a Vanessa nao veio este ano por questões familiares...
Mas eu falava mais especificamente na Matilde, as outras titulares parece-me muito complicado ir buscá-las. Não sei a duração do contrato da Matilde mas adoraria vê-la cá, e ela tambem certamente! (e sei que com este treinador ela tambem nao vem para cá, mas nao se esqueçam que a Daiane e a Rilany já têm 32 anos). Parece que a ligação entre o Benfica e a família dela está amaldiçoada!
« Última modificação: 08 de Março de 2019, 12:14 por ze do café »

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 8480
  • O SLB exige um presidente benfiquista.
  • 12 de Março de 2019, 04:59
Nike assina acordo como fornecedor da bola das competições femininas da UEFA
A marca global de artigos desportivos passa a ser o fornecedor de bolas de futebol personalizadas das competições femininas da UEFA e apoiante da campanha#WePlayStrong.



A Nike tornou-se na mais recente marca global a dar o seu apoio ao Futebol Feminino da UEFA, tornando-se a fornecedora oficial de bolas das competições, incluindo a UEFA Women’s Champions League e o EURO Feminino 2021, sendo ainda parceira oficial da campanha Juntas #WePlayStrong.

Logo após a Visa, empresa de tecnologia de pagamentos, se ter tornado no primeiro grande patrocinador de sempre do futebol feminino da UEFA ao assinar um contrato de sete anos, a Nike reiterou o seu compromisso com o desenvolvimento do futebol ao apoiar o plano de cinco anos da UEFA para consolidar o futebol como o principal desporto feminino colectivo na Europa.

A Nike também vai proporcionar o uso exclusivo da sua bola oficial para todas as competições de futebol feminino da UEFA, incluindo a UEFA Women’s Champions League, o EURO Feminino, os Campeonatos da Europa Femininos de Sub-19 e de Sub-17 e o EURO Futsal Feminino.

Esta parceria vai durar até ao final do EURO Feminino 2021 em Inglaterra e, como parte do acordo, a Nike vai criar uma bola de jogo específica para uso exclusivo nas competições femininas, criando ainda mais distinção e oportunidades criativas na modalidade.

"Estamos muito contentes por ter uma marca global de prestígio como a Nike, que está comprometida com a igualdade no desporto e é reconhecida por promover atletas femininas em todo o mundo", afirmou Nadine Kessler, responsável pelo futebol feminino da UEFA.

“Ser o fornecedor oficial de bolas e apoiantes de todas as nossas competições e campanhas no futebol feminino, incluindo Juntas #WePlayStrong, não só passa a mensagem poderosa que este desporto está a ser avaliado e apoiado pelo seu mérito, como também sublinha marcos importantes fora das quatro linhas.

"Decidimos separar os direitos e as parcerias dos do futebol masculino porque, na UEFA, consideramos que é o melhor e, com a mesma crença e compromisso contínuos pelo futebol feminino, queremos alcançar novos patamares em conjunto com a Nike.

“Estamos empenhados em conjunto, usando a mesma paixão para evoluir o futebol feminino e motivar mais pessoas a desfrutar deste desporto, seja como espectadoras ou como jogadoras”.

Este anúncio é mais um passo importante para a comercialização do futebol feminino em toda a Europa, depois da UEFA ter tomado a decisão inédita de acabar com o modelo tradicional de patrocínio desportivo ao separar os acordos de patrocínio dos do futebol masculino.

A iniciativa visa acelerar o crescimento das competições de futebol feminino e levar mais meninas e mulheres a praticar futebol através da criação de novas oportunidades que, por sua vez, viram suportar o plano estratégico de cinco anos da UEFA para tornar o futebol no principal desporto praticado pelas mulheres na Europa.

"A Nike e a UEFA partilham uma ambição comum: levar o futebol feminino a perceber seu enorme potencial", afirmou Bert Hoyt, VP/GM da Nike EMEA. "As competições da UEFA representam a elite do futebol de clubes e de selecções. Através da nossa inigualável inovação e apoio ao futebol feminino, da elite ao ‘futebol de raízes’, vamos desenvolver o futebol para a próxima geração de jovens jogadoras”.

https://pt.uefa.com/insideuefa/about-uefa/administration/marketing/news/newsid=2595004.html

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 8480
  • O SLB exige um presidente benfiquista.
  • 12 de Março de 2019, 05:25

Eagle Heart

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 8716
  • 13 de Março de 2019, 03:58




Uma vez dissse que gostaria de ver algo assim feito pelo nosso clube.
Pelos vistos o Barça se adiantou.

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 8480
  • O SLB exige um presidente benfiquista.
  • 15 de Março de 2019, 01:54
«Aconselho todas as raparigas a jogarem com rapazes»

Vivianne Miedema é um dos nomes em destaque no campeonato inglês de futebol feminino. A holandesa de 22 anos do Arsenal foi recentemente eleita a melhor jogadora do ano e é uma das grandes esperanças da laranja mecânica para o Campeonato do Mundo.

Em entrevista ao the Guardian, Miedema explicou a opção pelo futebol, ela que vem de uma família de desportistas. O pai foi jogador profissional e a mãe foi profissional de hóquei de campo.

«Não tive escolha, basicamente fui obrigada jogar futebol. O meu pai era profissional e aproveitava para jogar connosco em casa e ainda bem que o fez, amo este desporto e quero seguir como treinadora quando pendurar as chuteiras», começou por explicar.

A avançada aproveitou ainda para dar um conselho às jovens que queiram seguir carreira como futebolistas.

«Uma das coisas que me beneficiou foi jogar contra rapazes. Joguei contra alguns que agora estão em clubes grandes da Europa e isso ajudou-me a desenvolver as minhas capacidades. Existe uma grande diferença entre jogar com rapazes ou raparigas, e eu aconselho todas as raparigas a jogarem com rapazes», concluiu.

Formada no Heerenveen, Miedema já conta com passagens pelo Bayern de Munique e Arsenal. Com apenas 22 anos já se sagrou Campeã da Europa pela Holanda e dois campeonatos da Alemanha.

https://www.abola.pt/Nnh/Noticias/Ver/778043

[Entrevista completa:
https://www.theguardian.com/football/blog/2019/mar/12/vivianne-miedema-world-cup-arsenal]

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 8480
  • O SLB exige um presidente benfiquista.
  • 15 de Março de 2019, 02:13
El Atlético de Madrid anuncia que ya no hay entradas para el 'Clásico' en el Wanda Metropolitano
Se espera que se logre el récord de aforo en un partido femenino en España

El Atlético de Madrid ha anunciado este miércoles que el Wanda Metropolitano cuelga el 'no hay billetes' a cuatro días que se dispute el duelo ante el Barcelona (domingo a las 13:00 horas). El coliseo rojiblanco garantiza así una gran entrada que podría suponer el récord en un partido femenino de fútbol en España superando así los 48.128 espectadores que se registraron en San Mamés en los cuartos de final de la Copa de la Reina este mismo curso.

El Wanda Metropolitano tiene una capacidad para 68.000 espectadores. La entrada para los socios era completamente gratuita -previa recogida de invitaciones- mientras que la entrada para el público en general costaba apenas 5 euros. La venta ha tenido buen calado entre la afición y ha logrado llegar al tope días antes del gran partido.

El Atlético de Madrid es el actual líder de la Liga Iberdrola con 66 puntos de 69 posibles, seis por encima de un Barcelona que ha sido el único equipo que le ha conseguido ganar en todo el curso (2-1 en la ida disputada en el Mini Estadi). El duelo del Metropolitano se supone decisivo, pues una victoria rojiblanca sentenciaría la Liga mientras que un triunfo azulgrana animaría el campeonato a siete jornadas aún para el final.

https://www.marca.com/futbol/futbol-femenino/primera-division/2019/03/13/5c8980ab468aeb762a8b4624.html



El Athletic-Levante femenino, en San Mamés
La Catedral volverá a acoger el domingo 31 un partido de las leonas


Panorámica de San Mamés en el partido de cuartos de final de Copa de la Reina.

Tal y como avanzó MARCA, San Mamés volverá a abrir sus puertas para acoger un partido del Athletic Femenino. Así lo ha anunciado el propio club rojiblanco a través de su página web, dando a conocer que el estadio en el que habitualmente juega el primer equipo masculino será el escenario que acogerá la visita del Levante el próximo domingo 31.

El duelo, correspondiente a la jornada 26 de la Liga Iberdrola, se convertirá en el partido número 14 que el equipo femenino del Athletic juegue en San Mamés. Aitor Elizegi se ha propuesta dar mayor visibilidad a las leonas y que la hinchada pueda apoyar a su equipo desde las gradas del estadio es una de las medidas con las que cuenta para llevarlo acabo.

Además, la gran respuesta de la afición en el partido de cuartos de final de la Copa de la Reina ante el Atlético en La Catedral y que supuso el récord histórico de un partido de fútbol femenino en España (48.121 espectadores) fue el último empujón necesario para que la directiva trabajase por que las jugadores volvieran a pisar el césped de San Mamés esta misma temporada.

https://www.marca.com/futbol/futbol-femenino/primera-division/2019/03/14/5c8a35e8ca47410a258b45ac.html

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 8480
  • O SLB exige um presidente benfiquista.
  • 15 de Março de 2019, 02:27
Nós também poderíamos fazer história ao receber o Braga na Luz.

Mas parece que isso não é do interesse da FPF.

Eagle Heart

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 8716
  • 15 de Março de 2019, 04:43
Nós também poderíamos fazer história ao receber o Braga na Luz.

Mas parece que isso não é do interesse da FPF.

O do Benfica?

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 8480
  • O SLB exige um presidente benfiquista.
  • 18 de Março de 2019, 07:22

TeamRocket37

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 25297
  • Team Rocket à velocidade da luz vai atacar o 38!
  • 18 de Março de 2019, 07:54
Nós também poderíamos fazer história ao receber o Braga na Luz.

Mas parece que isso não é do interesse da FPF.

O do Benfica?

Estádio da Luz está alugado a FPF não há nada a fazer

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 8480
  • O SLB exige um presidente benfiquista.
  • 18 de Março de 2019, 07:58