8459 - Tópico: As Finanças do Benfica  (Lida 3684796 vezes)

Flirt4ever

  • Eusébio
  • ******
  • Terceira - Açores
  • Mensagens: 35332
  • B E N F I C A
  • 12 de Setembro de 2019, 12:19
Alguém tem um quadro com resultados das três sads dos últimos 10 anos?

E variação activo e passivo?

E dívida bancária?

Do Benfica sei eu...

Isto serve ?? As do Porto e Sporting, fizeram só de 6 meses para não ficar tão feio.... E também "descontaram" as VMOCS do passivo do Sporting, para ninguém se assustar...





Comparação ANUAL para os 2 estarolas é que tá quieto...................
« Última modificação: 12 de Setembro de 2019, 12:20 por Flirt4ever »

Dr.Lecter

  • Moderador
  • *
  • Mensagens: 15706
  • Doveryai, no proveryai.
  • 12 de Setembro de 2019, 12:28
Eu não tenho muitas dúvidas que LFV se aproveite (ou já tenha aproveitado) da sua posição no Benfica. Também acho a sua política desportiva um verdadeiro atentado à história do clube. Mas esta questão das antecipações, foi toda muito bem gerida. Quem nos dera a nós sermos geridos desportivamente da mesma maneira como somos geridos financeiramente.

Esta história dos pagamentos para antecipar receita é um caso básico de iliteracia financeira. Fiz um google sheets (infelizmente não tem goal-seek) agora à hora de almoço. Nada muito complexo. Deixo-vos aqui com as contas todas para demonstrar que as taxas de juro aplicadas em cada caso não são incomuns.


Notas:
1. Eu não sei quais são os valores certos de cada anualidade do contrato da NOS. Sei que começa abaixo dos 40M, vai aumentando todos os anos e em média será 40M por ano. Comecei por colocar 35.5M no primeiro ano e um crescimento de 1M por ano. Se alguém souber quais são os valores verdadeiro, é só trocar. Como não tenho esses valores exacto há umas diferenças de ~1M nas antecipações da NOS que têm um impacto ligeiro na casa das centesimas no calculo das taxas de juro.

2. Assumi por simplicidade uma taxa de juro anual. Provavelmente o valor final não foi calculado com uma taxa de juro anual. Mas isto é só para ter uma ideia de quais seriam os valores

está em linha com o meu atropelo ao rigor anterior…

o factoring do JF, supostamente, não tem prazo tão dilatado… (serão 2 anos)

Factoring do JF?

Recebemos a pronto.

Sim. O Excel só distribui os 6 milhões de juros pelos 2 anos do prazo de pagamento do ATM.

É uma "brincadeira" para aferir a taxa de juro praticada...

Não percebi nada das folhas excel :(

Alguém que traduza o que lá diz, em texto, sff.

DB4700

  • Velha Glória
  • *****
  • Dublin
  • Mensagens: 4853
  • 12 de Setembro de 2019, 12:43
Eu não tenho muitas dúvidas que LFV se aproveite (ou já tenha aproveitado) da sua posição no Benfica. Também acho a sua política desportiva um verdadeiro atentado à história do clube. Mas esta questão das antecipações, foi toda muito bem gerida. Quem nos dera a nós sermos geridos desportivamente da mesma maneira como somos geridos financeiramente.

Esta história dos pagamentos para antecipar receita é um caso básico de iliteracia financeira. Fiz um google sheets (infelizmente não tem goal-seek) agora à hora de almoço. Nada muito complexo. Deixo-vos aqui com as contas todas para demonstrar que as taxas de juro aplicadas em cada caso não são incomuns.


Notas:
1. Eu não sei quais são os valores certos de cada anualidade do contrato da NOS. Sei que começa abaixo dos 40M, vai aumentando todos os anos e em média será 40M por ano. Comecei por colocar 35.5M no primeiro ano e um crescimento de 1M por ano. Se alguém souber quais são os valores verdadeiro, é só trocar. Como não tenho esses valores exacto há umas diferenças de ~1M nas antecipações da NOS que têm um impacto ligeiro na casa das centesimas no calculo das taxas de juro.

2. Assumi por simplicidade uma taxa de juro anual. Provavelmente o valor final não foi calculado com uma taxa de juro anual. Mas isto é só para ter uma ideia de quais seriam os valores

está em linha com o meu atropelo ao rigor anterior…

o factoring do JF, supostamente, não tem prazo tão dilatado… (serão 2 anos)

Factoring do JF?

Recebemos a pronto.

Sim. O Excel só distribui os 6 milhões de juros pelos 2 anos do prazo de pagamento do ATM.

É uma "brincadeira" para aferir a taxa de juro praticada...

Não percebi nada das folhas excel :(

Alguém que traduza o que lá diz, em texto, sff.

Primeira linha são os montantes que a NOS nos paga.

Segundo grupo de linhas são os valores da transferência do Félix. A primeira são os valores em bruto que o Benfica divulgou receber 30M a pronto e os 96 (2x48) nos dois anos seguintes. Abaixo está o valor desse dinheiro ao dia para onde antecipado (por simplicidade assumimos o ano, neste caso 2019). Depois vais trocando a taxa de juro para descobrires qual foi a taxa de juro anual "aplicada" neste factoring. No caso do primeiro ano 48M em 2020, aquela taxa de juro, valem hoje 45.98M

No terceiro grupo de linhas tens a mesma situação, mas para os contratos da NOS. Neste caso o dinheiro é transportado para 2018 visto que o adiantamento foi em Fevereiro de 2018. Outra diferença é que calculamos o valor consoante a percentagem da anualidade que adiantamos. Há anos que é 50%, há outro ano que é 25%. O objetivo é brincar com a taxa de juro até chegar ao valor que o Benfica diz que recebeu (108.1M)

O quarto grupo é o segundo adiantamento. Neste caso o dinheiro é transportado para 2019.

Darkboy

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 83447
  • 12 de Setembro de 2019, 12:59
Eu não tenho muitas dúvidas que LFV se aproveite (ou já tenha aproveitado) da sua posição no Benfica. Também acho a sua política desportiva um verdadeiro atentado à história do clube. Mas esta questão das antecipações, foi toda muito bem gerida. Quem nos dera a nós sermos geridos desportivamente da mesma maneira como somos geridos financeiramente.

Esta história dos pagamentos para antecipar receita é um caso básico de iliteracia financeira. Fiz um google sheets (infelizmente não tem goal-seek) agora à hora de almoço. Nada muito complexo. Deixo-vos aqui com as contas todas para demonstrar que as taxas de juro aplicadas em cada caso não são incomuns.


Notas:
1. Eu não sei quais são os valores certos de cada anualidade do contrato da NOS. Sei que começa abaixo dos 40M, vai aumentando todos os anos e em média será 40M por ano. Comecei por colocar 35.5M no primeiro ano e um crescimento de 1M por ano. Se alguém souber quais são os valores verdadeiro, é só trocar. Como não tenho esses valores exacto há umas diferenças de ~1M nas antecipações da NOS que têm um impacto ligeiro na casa das centesimas no calculo das taxas de juro.

2. Assumi por simplicidade uma taxa de juro anual. Provavelmente o valor final não foi calculado com uma taxa de juro anual. Mas isto é só para ter uma ideia de quais seriam os valores

está em linha com o meu atropelo ao rigor anterior…

o factoring do JF, supostamente, não tem prazo tão dilatado… (serão 2 anos)

Factoring do JF?

Recebemos a pronto.

Sim. O Excel só distribui os 6 milhões de juros pelos 2 anos do prazo de pagamento do ATM.

É uma "brincadeira" para aferir a taxa de juro praticada...

Não percebi nada das folhas excel :(

Alguém que traduza o que lá diz, em texto, sff.
O princípio base do excel é o time value of money. O dinheiro que recebes hoje vale mais do que o que receberias daqui a um ou dois anos, pois podes investi-lo. Dessa forma, o excel do DB4700 simula o custo de oportunidade (i.e., a taxa de juro) de quem nos adiantou o dinheiro. A taxa de juro representa o custo de oportunidade de quem nos adiantou o dinheiro, pois resulta do seguinte raciocínio: "tendo em conta a possibilidade de investir em empresas com um risco semelhante ao Benfica, quanto é que o Benfica tem de me remunerar para eu lhes adiantar xM€ hoje?"

João Félix
O excel assume um plano de pagamentos do Atlético de Madrid no qual o Benfica receberia 30M€ hoje, 48M€ daqui a um ano e 48M€ daqui a dois anos, num total de 126M€.

Os 30M€ que o Benfica receberia hoje não têm de ser descontados. Já estão descontados para o ano 0.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a um ano têm de ser descontados: 48 / (1,044)^1. 48M€, que seriam recebidos daqui a um ano (um período, ^1), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a um ano, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 45,98M€.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a dois anos têm de ser descontados: 48 / (1,044)^2. 48M€, que seriam recebidos daqui dois anos (dois período, ^2), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a dois anos, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 44,04M€.

Em suma, para o Benfica receber hoje 120M€, os 126M€ foram descontados a uma taxa de 4,4%. É esta a taxa de juro que o Benfica pagou a quem lhe adiantou o dinheiro.

NOS
O mesmo raciocínio. Tens várias parcelas, que o Benfica receberia ao longo dos anos, e o excel simula a taxa de juro para o valor que o Benfica recebeu hoje. Os cash flows de anos mais próximos (o adiantamento n.º 1) pressupõem uma taxa de juro de 5,5%, enquanto os cash flows de anos mais longíquos (o adiantamento n.º 2) pressupõem uma taxa de juro de 0,8%.
« Última modificação: 12 de Setembro de 2019, 13:00 por Darkboy »

anselmoslb

  • Iniciado
  • *
  • Mensagens: 6370
  • "Profissionais e chefes de família"
  • 12 de Setembro de 2019, 14:07
Onde é que anda o dinheiro das vendas?

Chairman

  • Eusébio
  • ******
  • 32ª dimensão
  • Mensagens: 18651
  • Dirty Deeds Done Dirt Cheap
  • 12 de Setembro de 2019, 14:40
Onde é que anda o dinheiro das vendas?
Infelizmente não no meu bolso  :cry2:

MALU15

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 15490
  • Rumo ao 38º !
  • 12 de Setembro de 2019, 16:29
Para os mais distraídos, relembro que este tópico se refere às FINANÇAS DO BENFICA.

Se vamos continuar a inundar o tópico de dados e análises das contas do Sporting e amanhã do Porto, isto fica difícil.

As finanças de outros clubes devem ser tratadas no tópico adequado:
https://serbenfiquista.com/forum/futebol-e-outros-desportos/26/as-financas-dos-nossos-adversarios-fcp-scp-e-outros/57581/

MALU15

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 15490
  • Rumo ao 38º !
  • 12 de Setembro de 2019, 16:55
Eu não tenho muitas dúvidas que LFV se aproveite (ou já tenha aproveitado) da sua posição no Benfica. Também acho a sua política desportiva um verdadeiro atentado à história do clube. Mas esta questão das antecipações, foi toda muito bem gerida. Quem nos dera a nós sermos geridos desportivamente da mesma maneira como somos geridos financeiramente.

Esta história dos pagamentos para antecipar receita é um caso básico de iliteracia financeira. Fiz um google sheets (infelizmente não tem goal-seek) agora à hora de almoço. Nada muito complexo. Deixo-vos aqui com as contas todas para demonstrar que as taxas de juro aplicadas em cada caso não são incomuns.


Notas:
1. Eu não sei quais são os valores certos de cada anualidade do contrato da NOS. Sei que começa abaixo dos 40M, vai aumentando todos os anos e em média será 40M por ano. Comecei por colocar 35.5M no primeiro ano e um crescimento de 1M por ano. Se alguém souber quais são os valores verdadeiro, é só trocar. Como não tenho esses valores exacto há umas diferenças de ~1M nas antecipações da NOS que têm um impacto ligeiro na casa das centesimas no calculo das taxas de juro.

2. Assumi por simplicidade uma taxa de juro anual. Provavelmente o valor final não foi calculado com uma taxa de juro anual. Mas isto é só para ter uma ideia de quais seriam os valores

está em linha com o meu atropelo ao rigor anterior…

o factoring do JF, supostamente, não tem prazo tão dilatado… (serão 2 anos)

Factoring do JF?

Recebemos a pronto.

Sim. O Excel só distribui os 6 milhões de juros pelos 2 anos do prazo de pagamento do ATM.

É uma "brincadeira" para aferir a taxa de juro praticada...

Não percebi nada das folhas excel :(

Alguém que traduza o que lá diz, em texto, sff.
O princípio base do excel é o time value of money. O dinheiro que recebes hoje vale mais do que o que receberias daqui a um ou dois anos, pois podes investi-lo. Dessa forma, o excel do DB4700 simula o custo de oportunidade (i.e., a taxa de juro) de quem nos adiantou o dinheiro. A taxa de juro representa o custo de oportunidade de quem nos adiantou o dinheiro, pois resulta do seguinte raciocínio: "tendo em conta a possibilidade de investir em empresas com um risco semelhante ao Benfica, quanto é que o Benfica tem de me remunerar para eu lhes adiantar xM€ hoje?"

João Félix
O excel assume um plano de pagamentos do Atlético de Madrid no qual o Benfica receberia 30M€ hoje, 48M€ daqui a um ano e 48M€ daqui a dois anos, num total de 126M€.

Os 30M€ que o Benfica receberia hoje não têm de ser descontados. Já estão descontados para o ano 0.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a um ano têm de ser descontados: 48 / (1,044)^1. 48M€, que seriam recebidos daqui a um ano (um período, ^1), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a um ano, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 45,98M€.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a dois anos têm de ser descontados: 48 / (1,044)^2. 48M€, que seriam recebidos daqui dois anos (dois período, ^2), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a dois anos, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 44,04M€.

Em suma, para o Benfica receber hoje 120M€, os 126M€ foram descontados a uma taxa de 4,4%. É esta a taxa de juro que o Benfica pagou a quem lhe adiantou o dinheiro.

NOS
O mesmo raciocínio. Tens várias parcelas, que o Benfica receberia ao longo dos anos, e o excel simula a taxa de juro para o valor que o Benfica recebeu hoje. Os cash flows de anos mais próximos (o adiantamento n.º 1) pressupõem uma taxa de juro de 5,5%, enquanto os cash flows de anos mais longíquos (o adiantamento n.º 2) pressupõem uma taxa de juro de 0,8%.
Mesmo para os que não estão por dentro dos meandros do cálculo financeiro (taxas de actualização de capitais /taxas de desconto) esta explicação é bastante esclarecedora.

Mas será que os users ( todos sabemos quais) que há dois dias com base num post meu, tanto questionaram as operações de antecipação da receita dos direitos da NOS ficarão convencidos?

Estou em crer que não, ou melhor vão fazer de conta que nada se passou e daqui a algum  tempo quando estivermos "distraídos" vão voltar à carga, a exemplo do que está a acontecer com a questão "Onde é que anda o dinheiro das vendas?" pois a resposta a esta, ainda que também possível será sempre muito trabalhosa e mesmo digna de uma tese de mestrado que abordasse as contas da Benfica SAD nos últimos 10 anos.

Dr.Lecter

  • Moderador
  • *
  • Mensagens: 15706
  • Doveryai, no proveryai.
  • 12 de Setembro de 2019, 17:08
Eu não tenho muitas dúvidas que LFV se aproveite (ou já tenha aproveitado) da sua posição no Benfica. Também acho a sua política desportiva um verdadeiro atentado à história do clube. Mas esta questão das antecipações, foi toda muito bem gerida. Quem nos dera a nós sermos geridos desportivamente da mesma maneira como somos geridos financeiramente.

Esta história dos pagamentos para antecipar receita é um caso básico de iliteracia financeira. Fiz um google sheets (infelizmente não tem goal-seek) agora à hora de almoço. Nada muito complexo. Deixo-vos aqui com as contas todas para demonstrar que as taxas de juro aplicadas em cada caso não são incomuns.


Notas:
1. Eu não sei quais são os valores certos de cada anualidade do contrato da NOS. Sei que começa abaixo dos 40M, vai aumentando todos os anos e em média será 40M por ano. Comecei por colocar 35.5M no primeiro ano e um crescimento de 1M por ano. Se alguém souber quais são os valores verdadeiro, é só trocar. Como não tenho esses valores exacto há umas diferenças de ~1M nas antecipações da NOS que têm um impacto ligeiro na casa das centesimas no calculo das taxas de juro.

2. Assumi por simplicidade uma taxa de juro anual. Provavelmente o valor final não foi calculado com uma taxa de juro anual. Mas isto é só para ter uma ideia de quais seriam os valores

está em linha com o meu atropelo ao rigor anterior…

o factoring do JF, supostamente, não tem prazo tão dilatado… (serão 2 anos)

Factoring do JF?

Recebemos a pronto.

Sim. O Excel só distribui os 6 milhões de juros pelos 2 anos do prazo de pagamento do ATM.

É uma "brincadeira" para aferir a taxa de juro praticada...

Não percebi nada das folhas excel :(

Alguém que traduza o que lá diz, em texto, sff.
O princípio base do excel é o time value of money. O dinheiro que recebes hoje vale mais do que o que receberias daqui a um ou dois anos, pois podes investi-lo. Dessa forma, o excel do DB4700 simula o custo de oportunidade (i.e., a taxa de juro) de quem nos adiantou o dinheiro. A taxa de juro representa o custo de oportunidade de quem nos adiantou o dinheiro, pois resulta do seguinte raciocínio: "tendo em conta a possibilidade de investir em empresas com um risco semelhante ao Benfica, quanto é que o Benfica tem de me remunerar para eu lhes adiantar xM€ hoje?"

João Félix
O excel assume um plano de pagamentos do Atlético de Madrid no qual o Benfica receberia 30M€ hoje, 48M€ daqui a um ano e 48M€ daqui a dois anos, num total de 126M€.

Os 30M€ que o Benfica receberia hoje não têm de ser descontados. Já estão descontados para o ano 0.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a um ano têm de ser descontados: 48 / (1,044)^1. 48M€, que seriam recebidos daqui a um ano (um período, ^1), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a um ano, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 45,98M€.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a dois anos têm de ser descontados: 48 / (1,044)^2. 48M€, que seriam recebidos daqui dois anos (dois período, ^2), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a dois anos, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 44,04M€.

Em suma, para o Benfica receber hoje 120M€, os 126M€ foram descontados a uma taxa de 4,4%. É esta a taxa de juro que o Benfica pagou a quem lhe adiantou o dinheiro.

NOS
O mesmo raciocínio. Tens várias parcelas, que o Benfica receberia ao longo dos anos, e o excel simula a taxa de juro para o valor que o Benfica recebeu hoje. Os cash flows de anos mais próximos (o adiantamento n.º 1) pressupõem uma taxa de juro de 5,5%, enquanto os cash flows de anos mais longíquos (o adiantamento n.º 2) pressupõem uma taxa de juro de 0,8%.

Perfeitamente entendido.

Tinha poucas dúvidas que esta operação tinha sido um "smart move", agora tenho ainda menos.

É a velha questão e a "minha" luta. Tivessemos a visão e o cuidado com a gestão desportiva com o que temos com a financeira...

boladeneve

  • Iniciado
  • *
  • Mensagens: 909
  • 12 de Setembro de 2019, 17:19
Eu não tenho muitas dúvidas que LFV se aproveite (ou já tenha aproveitado) da sua posição no Benfica. Também acho a sua política desportiva um verdadeiro atentado à história do clube. Mas esta questão das antecipações, foi toda muito bem gerida. Quem nos dera a nós sermos geridos desportivamente da mesma maneira como somos geridos financeiramente.

Esta história dos pagamentos para antecipar receita é um caso básico de iliteracia financeira. Fiz um google sheets (infelizmente não tem goal-seek) agora à hora de almoço. Nada muito complexo. Deixo-vos aqui com as contas todas para demonstrar que as taxas de juro aplicadas em cada caso não são incomuns.


Notas:
1. Eu não sei quais são os valores certos de cada anualidade do contrato da NOS. Sei que começa abaixo dos 40M, vai aumentando todos os anos e em média será 40M por ano. Comecei por colocar 35.5M no primeiro ano e um crescimento de 1M por ano. Se alguém souber quais são os valores verdadeiro, é só trocar. Como não tenho esses valores exacto há umas diferenças de ~1M nas antecipações da NOS que têm um impacto ligeiro na casa das centesimas no calculo das taxas de juro.

2. Assumi por simplicidade uma taxa de juro anual. Provavelmente o valor final não foi calculado com uma taxa de juro anual. Mas isto é só para ter uma ideia de quais seriam os valores

está em linha com o meu atropelo ao rigor anterior…

o factoring do JF, supostamente, não tem prazo tão dilatado… (serão 2 anos)

Factoring do JF?

Recebemos a pronto.

Sim. O Excel só distribui os 6 milhões de juros pelos 2 anos do prazo de pagamento do ATM.

É uma "brincadeira" para aferir a taxa de juro praticada...

Não percebi nada das folhas excel :(

Alguém que traduza o que lá diz, em texto, sff.
O princípio base do excel é o time value of money. O dinheiro que recebes hoje vale mais do que o que receberias daqui a um ou dois anos, pois podes investi-lo. Dessa forma, o excel do DB4700 simula o custo de oportunidade (i.e., a taxa de juro) de quem nos adiantou o dinheiro. A taxa de juro representa o custo de oportunidade de quem nos adiantou o dinheiro, pois resulta do seguinte raciocínio: "tendo em conta a possibilidade de investir em empresas com um risco semelhante ao Benfica, quanto é que o Benfica tem de me remunerar para eu lhes adiantar xM€ hoje?"

João Félix
O excel assume um plano de pagamentos do Atlético de Madrid no qual o Benfica receberia 30M€ hoje, 48M€ daqui a um ano e 48M€ daqui a dois anos, num total de 126M€.

Os 30M€ que o Benfica receberia hoje não têm de ser descontados. Já estão descontados para o ano 0.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a um ano têm de ser descontados: 48 / (1,044)^1. 48M€, que seriam recebidos daqui a um ano (um período, ^1), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a um ano, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 45,98M€.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a dois anos têm de ser descontados: 48 / (1,044)^2. 48M€, que seriam recebidos daqui dois anos (dois período, ^2), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a dois anos, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 44,04M€.

Em suma, para o Benfica receber hoje 120M€, os 126M€ foram descontados a uma taxa de 4,4%. É esta a taxa de juro que o Benfica pagou a quem lhe adiantou o dinheiro.

NOS
O mesmo raciocínio. Tens várias parcelas, que o Benfica receberia ao longo dos anos, e o excel simula a taxa de juro para o valor que o Benfica recebeu hoje. Os cash flows de anos mais próximos (o adiantamento n.º 1) pressupõem uma taxa de juro de 5,5%, enquanto os cash flows de anos mais longíquos (o adiantamento n.º 2) pressupõem uma taxa de juro de 0,8%.
Mesmo para os que não estão por dentro dos meandros do cálculo financeiro (taxas de actualização de capitais /taxas de desconto) esta explicação é bastante esclarecedora.

Mas será que os users ( todos sabemos quais) que há dois dias com base num post meu, tanto questionaram as operações de antecipação da receita dos direitos da NOS ficarão convencidos?

Estou em crer que não, ou melhor vão fazer de conta que nada se passou e daqui a algum  tempo quando estivermos "distraídos" vão voltar à carga, a exemplo do que está a acontecer com a questão "Onde é que anda o dinheiro das vendas?" pois a resposta a esta, ainda que também possível será sempre muito trabalhosa e mesmo digna de uma tese de mestrado que abordasse as contas da Benfica SAD nos últimos 10 anos.

São perguntas de "toca e foge", de quem não quer realmente saber as respostas, uma vez que essas, estão cá todas. O saber não ocupa lugar, mas dá trabalho a adquirir.

Carminati

  • Sénior
  • ****
  • Mensagens: 2830
  • 12 de Setembro de 2019, 17:25
Onde é que anda o dinheiro das vendas?

LOL

Minutos depois de vários users terem dado explicações minuciosas sobre duas das maiores operações que efectuámos.

Isto é gozar com a cara de quem aqui anda.

CitriC

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 13741
  • Antes do 39 vem o Bi
  • 12 de Setembro de 2019, 17:46
Eu não tenho muitas dúvidas que LFV se aproveite (ou já tenha aproveitado) da sua posição no Benfica. Também acho a sua política desportiva um verdadeiro atentado à história do clube. Mas esta questão das antecipações, foi toda muito bem gerida. Quem nos dera a nós sermos geridos desportivamente da mesma maneira como somos geridos financeiramente.

Esta história dos pagamentos para antecipar receita é um caso básico de iliteracia financeira. Fiz um google sheets (infelizmente não tem goal-seek) agora à hora de almoço. Nada muito complexo. Deixo-vos aqui com as contas todas para demonstrar que as taxas de juro aplicadas em cada caso não são incomuns.


Notas:
1. Eu não sei quais são os valores certos de cada anualidade do contrato da NOS. Sei que começa abaixo dos 40M, vai aumentando todos os anos e em média será 40M por ano. Comecei por colocar 35.5M no primeiro ano e um crescimento de 1M por ano. Se alguém souber quais são os valores verdadeiro, é só trocar. Como não tenho esses valores exacto há umas diferenças de ~1M nas antecipações da NOS que têm um impacto ligeiro na casa das centesimas no calculo das taxas de juro.

2. Assumi por simplicidade uma taxa de juro anual. Provavelmente o valor final não foi calculado com uma taxa de juro anual. Mas isto é só para ter uma ideia de quais seriam os valores

está em linha com o meu atropelo ao rigor anterior…

o factoring do JF, supostamente, não tem prazo tão dilatado… (serão 2 anos)

Factoring do JF?

Recebemos a pronto.

Sim. O Excel só distribui os 6 milhões de juros pelos 2 anos do prazo de pagamento do ATM.

É uma "brincadeira" para aferir a taxa de juro praticada...

Não percebi nada das folhas excel :(

Alguém que traduza o que lá diz, em texto, sff.
O princípio base do excel é o time value of money. O dinheiro que recebes hoje vale mais do que o que receberias daqui a um ou dois anos, pois podes investi-lo. Dessa forma, o excel do DB4700 simula o custo de oportunidade (i.e., a taxa de juro) de quem nos adiantou o dinheiro. A taxa de juro representa o custo de oportunidade de quem nos adiantou o dinheiro, pois resulta do seguinte raciocínio: "tendo em conta a possibilidade de investir em empresas com um risco semelhante ao Benfica, quanto é que o Benfica tem de me remunerar para eu lhes adiantar xM€ hoje?"

João Félix
O excel assume um plano de pagamentos do Atlético de Madrid no qual o Benfica receberia 30M€ hoje, 48M€ daqui a um ano e 48M€ daqui a dois anos, num total de 126M€.

Os 30M€ que o Benfica receberia hoje não têm de ser descontados. Já estão descontados para o ano 0.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a um ano têm de ser descontados: 48 / (1,044)^1. 48M€, que seriam recebidos daqui a um ano (um período, ^1), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a um ano, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 45,98M€.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a dois anos têm de ser descontados: 48 / (1,044)^2. 48M€, que seriam recebidos daqui dois anos (dois período, ^2), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a dois anos, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 44,04M€.

Em suma, para o Benfica receber hoje 120M€, os 126M€ foram descontados a uma taxa de 4,4%. É esta a taxa de juro que o Benfica pagou a quem lhe adiantou o dinheiro.

NOS
O mesmo raciocínio. Tens várias parcelas, que o Benfica receberia ao longo dos anos, e o excel simula a taxa de juro para o valor que o Benfica recebeu hoje. Os cash flows de anos mais próximos (o adiantamento n.º 1) pressupõem uma taxa de juro de 5,5%, enquanto os cash flows de anos mais longíquos (o adiantamento n.º 2) pressupõem uma taxa de juro de 0,8%.
Mesmo para os que não estão por dentro dos meandros do cálculo financeiro (taxas de actualização de capitais /taxas de desconto) esta explicação é bastante esclarecedora.

Mas será que os users ( todos sabemos quais) que há dois dias com base num post meu, tanto questionaram as operações de antecipação da receita dos direitos da NOS ficarão convencidos?

Estou em crer que não, ou melhor vão fazer de conta que nada se passou e daqui a algum  tempo quando estivermos "distraídos" vão voltar à carga, a exemplo do que está a acontecer com a questão "Onde é que anda o dinheiro das vendas?" pois a resposta a esta, ainda que também possível será sempre muito trabalhosa e mesmo digna de uma tese de mestrado que abordasse as contas da Benfica SAD nos últimos 10 anos.

São perguntas de "toca e foge", de quem não quer realmente saber as respostas, uma vez que essas, estão cá todas. O saber não ocupa lugar, mas dá trabalho a adquirir.


Eles já sabem a resposta ;)

MALU15

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 15490
  • Rumo ao 38º !
  • 12 de Setembro de 2019, 17:50
Eu não tenho muitas dúvidas que LFV se aproveite (ou já tenha aproveitado) da sua posição no Benfica. Também acho a sua política desportiva um verdadeiro atentado à história do clube. Mas esta questão das antecipações, foi toda muito bem gerida. Quem nos dera a nós sermos geridos desportivamente da mesma maneira como somos geridos financeiramente.

Esta história dos pagamentos para antecipar receita é um caso básico de iliteracia financeira. Fiz um google sheets (infelizmente não tem goal-seek) agora à hora de almoço. Nada muito complexo. Deixo-vos aqui com as contas todas para demonstrar que as taxas de juro aplicadas em cada caso não são incomuns.


Notas:
1. Eu não sei quais são os valores certos de cada anualidade do contrato da NOS. Sei que começa abaixo dos 40M, vai aumentando todos os anos e em média será 40M por ano. Comecei por colocar 35.5M no primeiro ano e um crescimento de 1M por ano. Se alguém souber quais são os valores verdadeiro, é só trocar. Como não tenho esses valores exacto há umas diferenças de ~1M nas antecipações da NOS que têm um impacto ligeiro na casa das centesimas no calculo das taxas de juro.

2. Assumi por simplicidade uma taxa de juro anual. Provavelmente o valor final não foi calculado com uma taxa de juro anual. Mas isto é só para ter uma ideia de quais seriam os valores

está em linha com o meu atropelo ao rigor anterior…

o factoring do JF, supostamente, não tem prazo tão dilatado… (serão 2 anos)

Factoring do JF?

Recebemos a pronto.

Sim. O Excel só distribui os 6 milhões de juros pelos 2 anos do prazo de pagamento do ATM.

É uma "brincadeira" para aferir a taxa de juro praticada...

Não percebi nada das folhas excel :(

Alguém que traduza o que lá diz, em texto, sff.
O princípio base do excel é o time value of money. O dinheiro que recebes hoje vale mais do que o que receberias daqui a um ou dois anos, pois podes investi-lo. Dessa forma, o excel do DB4700 simula o custo de oportunidade (i.e., a taxa de juro) de quem nos adiantou o dinheiro. A taxa de juro representa o custo de oportunidade de quem nos adiantou o dinheiro, pois resulta do seguinte raciocínio: "tendo em conta a possibilidade de investir em empresas com um risco semelhante ao Benfica, quanto é que o Benfica tem de me remunerar para eu lhes adiantar xM€ hoje?"

João Félix
O excel assume um plano de pagamentos do Atlético de Madrid no qual o Benfica receberia 30M€ hoje, 48M€ daqui a um ano e 48M€ daqui a dois anos, num total de 126M€.

Os 30M€ que o Benfica receberia hoje não têm de ser descontados. Já estão descontados para o ano 0.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a um ano têm de ser descontados: 48 / (1,044)^1. 48M€, que seriam recebidos daqui a um ano (um período, ^1), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a um ano, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 45,98M€.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a dois anos têm de ser descontados: 48 / (1,044)^2. 48M€, que seriam recebidos daqui dois anos (dois período, ^2), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a dois anos, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 44,04M€.

Em suma, para o Benfica receber hoje 120M€, os 126M€ foram descontados a uma taxa de 4,4%. É esta a taxa de juro que o Benfica pagou a quem lhe adiantou o dinheiro.

NOS
O mesmo raciocínio. Tens várias parcelas, que o Benfica receberia ao longo dos anos, e o excel simula a taxa de juro para o valor que o Benfica recebeu hoje. Os cash flows de anos mais próximos (o adiantamento n.º 1) pressupõem uma taxa de juro de 5,5%, enquanto os cash flows de anos mais longíquos (o adiantamento n.º 2) pressupõem uma taxa de juro de 0,8%.

Perfeitamente entendido.

Tinha poucas dúvidas que esta operação tinha sido um "smart move", agora tenho ainda menos.

É a velha questão e a "minha" luta. Tivessemos a visão e o cuidado com a gestão desportiva com o que temos com a financeira...
Embora por vezes me assole o mesmo sentimento, temos que reconhecer que para a questão financeira que tem tido o mesmo "treinador" há quase 15 anos, houve tempos de fortes investimentos e mesmo assim nessa altura a questão desportiva passou por tempos bem piores que os que temos vivido nos últimos anos.

E olha que naquele Janeiro de 2014, como relembrei recentemente, passamos tempos bem difíceis em termos de liquidez, que obrigou à realização das operações do A Gomes e Rodrigo, que embora também tenham beliscado a parte desportiva, não deixamos de ser campeões (1º ano do tetra). Noto que no ano 2013/14 a BSAD atingiu o top do passivo remunerado (com 318Me) e que mesmo assim foi o 1º ano em que viramos (R Líquido de 14,2Me) o cabo bojador (ciclo de 5 anos de resultados negativos) enquanto que a Sporting Sad encontrou a sua safa nas VMOC`s que agora estão novamente na berra,
 

E não esquecer que o sucesso financeiro pese embora a estratégia muito consistente que tem sido seguida, também tem o condão de fazer de patinho feio quando vai tocar no bolo da realidade desportiva.

MALU15

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 15490
  • Rumo ao 38º !
  • 12 de Setembro de 2019, 17:59
Eu não tenho muitas dúvidas que LFV se aproveite (ou já tenha aproveitado) da sua posição no Benfica. Também acho a sua política desportiva um verdadeiro atentado à história do clube. Mas esta questão das antecipações, foi toda muito bem gerida. Quem nos dera a nós sermos geridos desportivamente da mesma maneira como somos geridos financeiramente.

Esta história dos pagamentos para antecipar receita é um caso básico de iliteracia financeira. Fiz um google sheets (infelizmente não tem goal-seek) agora à hora de almoço. Nada muito complexo. Deixo-vos aqui com as contas todas para demonstrar que as taxas de juro aplicadas em cada caso não são incomuns.


Notas:
1. Eu não sei quais são os valores certos de cada anualidade do contrato da NOS. Sei que começa abaixo dos 40M, vai aumentando todos os anos e em média será 40M por ano. Comecei por colocar 35.5M no primeiro ano e um crescimento de 1M por ano. Se alguém souber quais são os valores verdadeiro, é só trocar. Como não tenho esses valores exacto há umas diferenças de ~1M nas antecipações da NOS que têm um impacto ligeiro na casa das centesimas no calculo das taxas de juro.

2. Assumi por simplicidade uma taxa de juro anual. Provavelmente o valor final não foi calculado com uma taxa de juro anual. Mas isto é só para ter uma ideia de quais seriam os valores

está em linha com o meu atropelo ao rigor anterior…

o factoring do JF, supostamente, não tem prazo tão dilatado… (serão 2 anos)

Factoring do JF?

Recebemos a pronto.

Sim. O Excel só distribui os 6 milhões de juros pelos 2 anos do prazo de pagamento do ATM.

É uma "brincadeira" para aferir a taxa de juro praticada...

Não percebi nada das folhas excel :(

Alguém que traduza o que lá diz, em texto, sff.
O princípio base do excel é o time value of money. O dinheiro que recebes hoje vale mais do que o que receberias daqui a um ou dois anos, pois podes investi-lo. Dessa forma, o excel do DB4700 simula o custo de oportunidade (i.e., a taxa de juro) de quem nos adiantou o dinheiro. A taxa de juro representa o custo de oportunidade de quem nos adiantou o dinheiro, pois resulta do seguinte raciocínio: "tendo em conta a possibilidade de investir em empresas com um risco semelhante ao Benfica, quanto é que o Benfica tem de me remunerar para eu lhes adiantar xM€ hoje?"

João Félix
O excel assume um plano de pagamentos do Atlético de Madrid no qual o Benfica receberia 30M€ hoje, 48M€ daqui a um ano e 48M€ daqui a dois anos, num total de 126M€.

Os 30M€ que o Benfica receberia hoje não têm de ser descontados. Já estão descontados para o ano 0.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a um ano têm de ser descontados: 48 / (1,044)^1. 48M€, que seriam recebidos daqui a um ano (um período, ^1), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a um ano, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 45,98M€.

Os 48M€ que o Benfica receberia daqui a dois anos têm de ser descontados: 48 / (1,044)^2. 48M€, que seriam recebidos daqui dois anos (dois período, ^2), descontados a uma taxa de 4,4%. O Benfica recebe já hoje os 48M€ que receberia daqui a dois anos, descontados a uma taxa de 4,4%, e recebe 44,04M€.

Em suma, para o Benfica receber hoje 120M€, os 126M€ foram descontados a uma taxa de 4,4%. É esta a taxa de juro que o Benfica pagou a quem lhe adiantou o dinheiro.

NOS
O mesmo raciocínio. Tens várias parcelas, que o Benfica receberia ao longo dos anos, e o excel simula a taxa de juro para o valor que o Benfica recebeu hoje. Os cash flows de anos mais próximos (o adiantamento n.º 1) pressupõem uma taxa de juro de 5,5%, enquanto os cash flows de anos mais longíquos (o adiantamento n.º 2) pressupõem uma taxa de juro de 0,8%.
Mesmo para os que não estão por dentro dos meandros do cálculo financeiro (taxas de actualização de capitais /taxas de desconto) esta explicação é bastante esclarecedora.

Mas será que os users ( todos sabemos quais) que há dois dias com base num post meu, tanto questionaram as operações de antecipação da receita dos direitos da NOS ficarão convencidos?

Estou em crer que não, ou melhor vão fazer de conta que nada se passou e daqui a algum  tempo quando estivermos "distraídos" vão voltar à carga, a exemplo do que está a acontecer com a questão "Onde é que anda o dinheiro das vendas?" pois a resposta a esta, ainda que também possível será sempre muito trabalhosa e mesmo digna de uma tese de mestrado que abordasse as contas da Benfica SAD nos últimos 10 anos.

São perguntas de "toca e foge", de quem não quer realmente saber as respostas, uma vez que essas, estão cá todas. O saber não ocupa lugar, mas dá trabalho a adquirir.
Para mim essas perguntas vão ficar sem resposta. Vão enterrar-se nas profundezas do tópico. Agora até é mais fácil, pois anda misturado com as finanças do grande Sporting.

RAFL

  • Velha Glória
  • *****
  • Mensagens: 5643
  • 12 de Setembro de 2019, 18:00

Tinham 135M€ de dívida bancária, transformaram em VMOCs e agora vão saldar essa dívida por 40M€.

Vão saldar a divida com que dinheiro?
:-)
....eles nem para mandar cantar o ceguinho têm moedas!
com o dinheiro que vão pedir emprestado ao banco...para que...daqui a 3 anos...lhe perdoem tb esses 40 milhões….