SL Benfica 4 x 0 Vilafranquense

  • Futebol
  • Equipa B
  • 2019/2020
  • Segunda Liga
Submetida por Ruud em Dom, 08/04/2019 - 12:34
Competição
Date
Domingo, Fevereiro 2, 2020 - 15:00
Estado
Realizado
Transmissão televisiva
BTV1

GOLEADA CHEGOU PELAS ASAS DE DANIEL DOS ANJOS

O Benfica B venceu a Vilafranquense na 19.ª jornada da II Liga. 

 

O Benfica B, comandado por Renato Paiva, goleou esta tarde a Vilafranquense por 4-0 no Campo n.º 1 do Benfica Campus, em jogo relativo à 19.ª jornada da II Liga. Daniel dos Anjos (2), Rodrigo Conceição e Tiago Dantas foram os autores dos golos.

Antes do esférico começar a rolar no Benfica Campus foi cumprido um minuto de silêncio em memória de Carlos Santos (ex-delegado da Liga). Aos 2', e depois de um cruzamento de Rodrigo Conceição, o central da Vilafranquense cometeu falta sobre Daniel dos Anjos no interior da área e o árbitro apontou para a marca de grande penalidade.

avançado do Benfica B ficou encarregue da conversão e não tremeu. Partiu para o esférico, rematou forte e colocado para o canto inferior direito (1-0 aos 3').

A resposta por parte dos forasteiros surgiu aos 10', sendo que a bola chegou mesmo a entrar na baliza à guarda de Svilar, contudo, o lance foi invalidado por fora de jogo. João Vieira, capitão do conjunto de Vila Franca, viu assim o seu golo ser anulado. 

As "Piranhas do Tejo" (nome pelo qual são conhecidos os jogadores da Vilafranquense) subiram no terreno, impunham o seu jogo físico na zona nevrálgica do relvado, todavia, sem consequências para a equipa encarnada. Os comandados de Renato Paiva, mais focados no processo defensivo, posicionavam-se em toda a largura do seu meio-campo e não deixavam que surgissem situações de perigo eminente.

As águias não estavam a conseguir implementar o seu jogo de futebol apoiadoconstrução a partir de trás e circulação do esférico. Dois, três toques e os adversários recuperavam a posse. Aos 37' Pepo bateu um livre de forma rasteira para a entrada da área onde apareceu Kady. O médio de 23 anos desferiu um potente remate com o pé esquerdo, mas a bola saiu muito por cima da barra da baliza defendida por Svilar.

Aos 44', e depois de uma jogada de insistência por parte de Gonçalo Ramos no interior da área adversária, o Benfica B chegou ao segundo golo da partida (2-0). O remate do n.º 88 saiu enrolado e foi ter ao encontro de Rodrigo Conceição, que, com o pé direito, desviou a trajetória do disparo e a bola entrou junto ao poste direito.

Já em tempo de compensação (45'+2'Tiago Dantas proporcionou um momento de magia para delírio dos adeptos presentes no Campo n.º 1 do Benfica CampusUm livre direto de fora da área batido na perfeição! O remate cruzado do capitão benfiquista não deu a mais pequena hipótese de defesa a Maringá.

Sem tempo para mais, o árbitro apitou para o término da 1.ª parte e as equipas recolheram aos balneários. Ao intervalo: 3-0.

Na 2.ª parte, aos 54', surgiu a melhor jogada do Benfica BMartin Chrien passou para a entrada da área, Gonçalo Ramos simulou, deixou passar o esférico e Daniel dos Anjos rematou de primeira para o quarto golo da partida (4-0). Um remate em arco que entrou junto ao poste direito da baliza. O guardião da Vilafranquense esticou-se por completo, ainda tocou na bola, mas não conseguiu evitar aquilo que estava destinado.

Aos 69' um momento importante na partida. Renato Paiva colocou Paulo Bernardo em campo por troca com Martin Chrien. O camisola 55, produto do Benfica Campus, estreou-se assim nas competições profissionais. As águias continuavam a gerir as operações de jogo numa altura em que a Vilafranquense procurava o chamado "golo de honra". As "Piranhas do Tejo" tentavam de várias zonas do relvado, todavia, sem sucesso, isto porque Svilar, bastante atento na baliza, negava as intenções do adversário.

Para os últimos minutos o treinador encarnado voltou a mexer nas peças do xadrez benfiquista. Daniel dos Anjos, um dos protagonistas por catapultar o resultado para tons de goleada, saiu aos 83' para dar lugar ao médio montenegrino Vukotic. Defensivamente o Benfica B continuou a afastar o perigo quando era necessário, mantendo a sua baliza inviolável. Resultado final: 4-0

Com este resultado as águias chegam aos 24 pontos na II Liga e sobem ao 14.º lugar da tabela classificativa. No jogo da próxima jornada (20.ª), que se vai disputar no dia 9 de fevereiro às 16h00, o Benfica B desloca-se ao Estádio Carlos Osório para defrontar a UD Oliveirense.

Renato Paiva (treinador do Benfica B): "Marcar cedo, praticamente na primeira jogada, também ajuda à vitória. Os resultados são importantes porque há um objetivo que é a manutenção. Seria uma tragédia esta equipa descer de Divisão, tendo em conta aquilo que é o projeto e a filosofia do Clube. Houve atletas que não jogavam há algum tempo e hoje deram uma resposta fantástica."

Morato (defesa-central do Benfica B): "Estudámos bem a Vilafranquense. Sabíamos que ia ser um jogo muito complicado, sobretudo no processo ofensivo, mas nós precisávamos do resultado e fomos mais eficazes. Este resultado traz confiança e em casa temos de fazer todos os pontos possíveis."

Benfica B-Vilafranquense, 4-0

FICHA  
Local Campo n.º 1 do Benfica Campus
Onze do Benfica B Svilar, João Ferreira, Morato, Kalaica, Frimpong, Diogo Mendes, Martin Chrien, Tiago Dantas, Gonçalo Ramos, Rodrigo Conceição e Daniel dos Anjos
Suplentes Fábio Duarte, Samuel Pedro, Luís Lopes, Paulo Bernardo, Luís Pinheiro, Vukotic e David Zec
Boletim clínico Umaro Embaló (lesão muscular na coxa direita), Csoboth (entorse no joelho direito) e Pedro Álvaro (lesão muscular na perna direita)
Ao intervalo 3-0
Marcadores do Benfica  Daniel dos Anjos (3' e 54'), Rodrigo Conceição (44') e Tiago Dantas (45'+2')

 

Informação do Jogo: https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2020/02/02/futebol-equipa-b-direto-benfica-b-vilafranquense-19-jornada-ii-liga

Onze Inicial

Banco

Treinador

Momentos

Onze Inicial

Banco

Treinador

Momentos

Coming soon

Notícias relacionadas

Nenhum item encontrado