SL Benfica 4 x 1 Casa Pia

  • Futebol
  • Juniores A
  • 2006/2007
  • campeonato nacional - 1ª fase
  • Futebol
  • Juniores A
  • 2006/2007
  • Futebol
  • Juniores A
  • Futebol
Date
Sábado, Novembro 4, 2006 - 15:00
Estado
Realizado
Tarde amena no Caixa Futebol Campus. Com a ausência de Romeu Ribeiro e Miguel Rosa, o técnico encarnado viu-se obrigado a mexer na equipa. Sem alterar muita coisa, Bruno Lage apresentou o seguinte onze: Daniel Casaleiro na baliza, André Casaca no lado direito da defesa, Gregor Balazic e Miguel Vítor como centrais cabendo o flanco esquerdo a André Magalhães. João Ferreira actuou na posição de trinco, Dalibor jogou à direita, Ruben Lima na esquerda. Na frente actuaram André Carvalhas e Milan Jeremic apoiados pelo nº10 Sérgio Oliveira.



Da esquerda para a direita: André Casaca, Daniel Casaleiro, Miguel Vítor, Dalibor Stojanovic, Sérgio Oliveira, João Ferreira, André Carvalhas, André Magalhães, Ruben Lima, Gregor Balazic e Milan Jeremic.

As correrias de Jeremic

E foi assim em toda a primeira parte. O Benfica entrou mal em campo, descoordenado sentindo claramente a falta de duas peças vitais: Romeu Ribeiro e Miguel Rosa. Com um jogo apático, o Benfica ia tentado trocar a bola e chegar à baliza adversária. Conforme os minutos iam passando, o Benfica ia subindo de rendimento. Aos 14 minutos, Jeremic isola-se e é derrubado dentro da grande área pelo guarda-redes do Casa Pia. Ruben Lima pegou na bola, colocou-a na marca e apontou o primeiro golo da partida para o Benfica. O Benfica fazia um forte pressing a meio-campo o que impossibilitava o Casa Pia de se aventurar no ataque. Por esta altura, assistia-se a mais um período morno do jogo. Aos 29 minutos, Jeremic ganha uma bola a meio-campo, correu, entregou a Sérgio Oliveira que na altura certa devolveu o passe isolando o sérvio que sem grande dificuldade apontou o segundo golo do encontro. Golo muito festejado pelo avançado que cada vez mostra mais as suas capacidades. E ao contrário do que tem acontecido nos últimos jogos, o Benfica continuou na ofensiva e assumiu por completo as despesas do encontro. E foi em mais uma jogada de Jeremic, que depois de alguma atrapalhação faz um passe magistral para Ruben Lima que frente ao guarda-redes apontou o terceiro golo do Benfica e o seu segundo golo no encontro. Estará encontrado o novo médio ala-esquerdo da equipa? Foi com esta pergunta que se chegou ao intervalo.

Segunda parte dominada pelo Casa Pia

Péssima segunda parte do Benfica. A ganhar por três bolas a zero, o Benfica entrou descansado na segunda parte a deixar o Casa Pia tomar as rédeas do jogo. Por esta altura, o médio esquerdo do Casa Pia ia sendo o principal jogador da equipa a criar bastantes problemas a André Casaca. À passagem dos sete minutos da segunda parte o Casa Pia chega ao três a um. O Benfica viu a equipa adversária criar esperanças e aventurar-se no ataque. Felizmente para o Benfica, os jogadores do Casa Pia tentavam mais com o coração do que com a cabeça e o Benfica conseguiu continuar a controlar a partida. Aos 13 minutos da segunda parte, Pedro Danilson estreou-se com a camisola do Benfica. À passagem dos 25 minutos da segunda metade, grande jogada de Jeremic que oferece o golo ao estreante Pedro Danilson. Golo festejado por todos os companheiros. Até ao final da partida, o Benfica dominou o encontro e foi criando sempre bons lances para chegar ao golo.

Comentários Finais

Bom jogo do Benfica. Uma primeira parte excelente trouxe a tranquilidade necessária para o resto do encontro. Ainda assim, uma melhor entrada de jogo na segunda parte precisava-se para não deixar o Casa Pia esperançado em chegar a mais qualquer coisa.

Daniel Casaleiro esteve hoje bastante seguro. Sem responsabilidades no golo, o guarda-redes encarnado parece continuar assim a ganhar o seu lugar nas escolhas do treinador Bruno Lage.

A defesa esteve bem. André Casaca esteve melhor que nos encontros anteriores e cotou-se como o melhor jogador da defensiva encarnada. Miguel Vítor voltou a mostrar a segurança e certeza habitual, enquanto que Gregor com menos trabalho também não desiludiu. André Magalhães a jogar novamente adaptado, fez o possível estando também muito certo no jogo.

O meio campo estava hoje sem duas peças fundamentais. Ainda assim, os jogadores chamados conseguiram disfarçar as ausências de Miguel Rosa e Romeu Ribeiro. João Ferreira a actuar como trinco esteve acertado não deixando o médio ofensivo do Casa Pia trabalhar. Dalibor voltou às boas exibições. Apesar de tudo, continua a mostrar uma grande aptidão para jogar em posições mais interiores do terreno. Ruben Lima foi dos melhores. A jogar a ala, correu muito, apontou dois golos, e poderá estar encontrada uma excelente opção para contrariar a falta de criatividade existente nas alas do Benfica. Sérgio Oliveira também esteve bem, jogou acertado e fez a assistência para o segundo golo do encontro.

Na frente, Jeremic foi o motor da equipa. Voltou a estar muito bem sobre as alas, criando as jogadas para o golo de Pedro e Ruben Lima. Ganhou um penalty e fez um golo. Mais não se podia pedir. André Carvalhas voltou a estar bem, não tão bem como o seu companheiro de ataque é certo, fintando bem e fazendo bons passes. Continua à procura da sua forma ideial.

Em relação aos que entraram, Pedro Danilson mostrou ser uma excelente opção para a frente de ataque. Muito forte fisicamente e bastante rápido, este jogador pode muito bem ser o avançado de área que o Benfica andava à procura. Marcar na estreia é sempre importante. Carlitos e Parreira estiveram pouco tempo em campo.

Na próxima jornada, o Benfica irá ao terreno do União da Madeira de onde se espera que a equipa traga mais 3 pontos.

Notas individuais:

1- Daniel Casaleiro - 4
2- André Casaca - 4
3- Gregor Balazic - 3
4- Miguel Vítor - 3
5- André Magalhães - 3
6- João Ferreira - 4
7- André Carvalhas - 4
8- Dalibor Stojanovic - 3
9- Milan Jeremic - 5
10- Sérgio Oliveira - 3
11- Ruben Lima - 4

15- Pedro Danilson - 3
16- Carlitos - 3
18- Bruno Parreira - 3



André Sabino, Serbenfiquista.com

Onze Inicial

Banco

Treinador

Momentos

14 Ruben Lima
29 Jeremic
37 Ruben Lima
59 Sérgio Oliveira Substituído por Pedro Danilson
65 André Carvalhas
70 Pedro Danilson
73 Jeremic Substituído por Bruno Parreira
86 André Carvalhas Substituído por Carlos Correia

Onze Inicial

Banco

Treinador

Momentos

Coming soon

Notícias relacionadas

Nenhum item encontrado