Estoril Praia 3 - 2 SL Benfica

  • Futebol
  • Sub23
  • 2019/2020
  • Play-Off
Submetida por Ruud em Qui, 02/13/2020 - 20:55
    Competição
    Data
    Sex, 6 Março, 2020, 17:00
    Estado
    Realizado
    Transmissão televisiva
    Canal 11

     

    Tentativas encarnadas esbarraram no muro canarinho 

     

    Os Sub-23 do Benfica perderam com o Estoril Praia na 4.ª jornada da 2.ª fase da Liga Revelação. 

     

     

    A equipa Sub-23 do Benfica perdeu por 3-2 com o Estoril Praia na 4.ª jornada da 2.ª fase da Liga Revelação. Guarda-redes estorilista foi protagonista ao travar vários remates das águias.

     

    Foi do Estoril Praia a primeira ocasião de perigo na partida. Aos 8', Pedro Albino centrou com conta, peso e medida para o cabeceamento ao lado de João Oliveira. Os canarinhos continuaram a pressionar e chegaram ao golo aos 11'.

     

    Pedro Empis forçou pelo flanco esquerdo, rematou rasteiro, mas Leo Kokubo correspondeu com uma boa intervenção. A bola sobrou para João Oliveira que, dentro da área, não perdoou. Um remate fortíssimo que não deu hipótese de defesa ao guardião nipónico (1-0).

     

    A resposta encarnada surgiu pelo pé direito de Luís Lopes. "Duk", como é conhecido no mundo do futebol, aproveitou um mau atraso do jogador adversário e, solto de marcação, desferiu um potente remate que levava o selo de golo. Thiago Silva, atento entre os postes, voou para negar o tento da igualdade.

     

    No xadrez tático do Benfica, implementado pelo treinador Luís Castro, era Diogo Capitão quem se aproximava dos centrais para assumir a primeira fase de construção. O médio pautava o ritmo e procurava as melhores soluções. O Benfica tinha mais posse de bola, contudo, não conseguia chegar em condições favoráveis ao último terço do terreno.

     

    Aos 39' voltou a gritar-se golo no Estádio António Coimbra da Mota. O capitão do Estoril Praia, Pedro Albino, cavalgou vários metros pelo lado direito, levantou a cabeça e centrou para o coração da área. Miguel Nóbrega foi infeliz na altura do corte e quem aproveitou foi André Franco. O esquerdino, de costas para a baliza, teve tempo para se virar e atirar a bola para o fundo das redes (2-0).

     

    O Benfica subiu as suas linhas, pressionou em zonas adiantadas e essa pressão acabou por gerar uma oportunidade clara de golo. Ronaldo Camará efetuou um cruzamento atrasado, Luís Lopes falhou o remate e a bola sobrou para Jair Tavares. O camisola 11, que estava posicionado na zona do segundo poste, rematou rasteiro. Aos da casa valeu mais uma vez Thiago Silva, que negou o golo dos benfiquistas com uma estirada. Ao intervalo: 2-0.

     

    No recomeço da partida, Luís Castro decidiu refrescar o seu meio-campo, lançando Tomás Azevedo para o lugar de Henrique Jocu. Aos 52' esteve à vista o golo do Benfica. Sérgio Andrade, à entrada da área, puxou para o pé esquerdo e rematou forte. A bola ainda sofreu um ligeiro desvio num defensor canarinho antes de ser encaixada pelo guarda-redes.

     

    Jair Tavares e Sérgio Andrade saíram aos 64'. Para os seus lugares entraram Samuel Pedro e David Barrero. As águias, mais céleres no processo ofensivo, chegaram ao golo por intermédio de Gonçalo Loureiro (71'). Frimpong bateu o pontapé de canto, o central benfiquista "subiu ao primeiro andar" e aplicou um forte golpe de cabeça (2-1).

     

    Contra a corrente da partida, o Estoril Praia voltou a dilatar a vantagem aos 80'. João Cardoso colocou a bola no interior da área, após pontapé de canto, e Tote Gomes, ao segundo poste, cabeceou para o interior da baliza (3-1).

     

    A um minuto dos 90, Luís Lopes foi travado em falta no interior da área e o árbitro João Santos apontou para a marca de grande penalidade. O n.º 9 das águias assumiu a conversão do castigo máximo e não perdoou. Thiago Silva atirou-se para o lado esquerdo e o remate foi em direção ao centro da baliza (3-2 aos 90').

     

    Os encarnados tentaram até ao fim chegar ao golo da igualdade, contudo, sem sucesso. Nota para o perigoso remate de Tomás Azevedo. O médio benfiquista disparou de fora da área, mas Thiago Silva mostrou-se a um grande nível e, como um autêntico muro, negou a intenção. Resultado final: 3-2.

     

    No jogo da próxima jornada (5.ª) da 2.ª fase da Liga Revelação, que se vai disputar no dia 10 de março (terça-feira), o Clube da Luz recebe o Aves, num desafio aprazado para as 11h15 no Campo n.º 1 do Benfica Campus.

     

    FICHA DE JOGO

     

     

    Informação do Jogo: https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2020/03/06/futebol-sub-23-direto-estoril-benfica-4-jornada-2-fase-apuramento-campeao-liga-revelacao

     

    Onze Inicial

    Banco

    Treinador

    Momentos

    Onze Inicial

    Banco

    Treinador

    Momentos

    Coming soon

    Notícias relacionadas

    Nenhum item encontrado