Garay focado no Benfica

Submetida por Andris em Qua, 12/25/2013 - 12:33

Ezequiel Garay é um dos jogadores mais cobiçados na Europa do Futebol, contudo, o internacional argentino mostra-se pouco preocupado com uma eventual saída, preferindo realçar a sua felicidade por representar o Benfica. "É um clube que me dá a possibilidade de fazer o que mais gosto, que é jogar futebol. Tenho contrato e estou muito feliz aqui. Penso apenas no Benfica", confessou, em entrevista à "quatroquatrodois". Esta, na verdade, é a terceira temporada do defesa-central no Benfica, clube para onde se transferiu do Real Madrid, isto porque pouco actuava nos merengues. "No Real Madrid não estava a jogar. Todos os jogadores querem fazê-lo e procuram uma solução para ter mais minutos. A decisão de vir foi acertada", reconheceu Ezequiel Garay, antes de agradecer às águias pela chegada à "Albiceleste": "Foi graças a este clube que pude jogar pela selecção", sublinhou. Desiludido com a não qualificação na "Champions" Apesar de ter somado 10 pontos na fase de grupos da Liga dos Campeões, o Benfica acabou eliminado, num cenário que deixou Garay naturalmente desiludido. "É difícil pensar que não passámos a fase de grupos da Liga dos Campeões com dez pontos, mas são coisas do futebol. Agora vamos jogar a Liga Europa da mesma forma que fizemos o ano passado, jogo a jogo", atirou. Ao serviço das águias, o internacional argentino conseguiu também a recente de proeza de chegar aos 100 jogos, contudo, de forma curiosa, Garay reconheceu que esse feito o apanhou de surpresa. "Sinceramente, não sabia [risos]. Só o soube quando me disseram que ia receber um galardão pelo centésimo jogo, mas não sei quantos jogos tenho. Contudo, fiquei muito feliz por já ter realizado cem jogos pelo clube", salientou. Desvaloriza o confronto entre Messi e Ronaldo Ezequiel Garay é dos poucos jogadores que já teve o privilégio de jogar ao lado de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, preferindo desvalorizar os constantes confrontos que costumam fazer entre os dois principais craques do futebol mundial. "Eles só querem jogar futebol, fazer o melhor ao serviço das suas equipas e obviamente que tentam ganhar quando se enfrentam. São os melhores jogadores do Mundo e é sempre bonito ver os jogos entre eles", disse. Curiosa foi também a opinião do internacional argentino quando foi convidado a comparar José Mourinho, que o orientou no Real Madrid, e Jorge Jesus, seu actual treinador, uma vez que Garay não vê grandes diferenças entre os dois: "São muito parecidos na forma de trabalhar e de ver o futebol", concluiu, à "quatroquatrodois".

About player