62965 - Tópico: Época 2018/2019  (Lida 245530 vezes)

Slb23

  • Moderador
  • *
  • Até Sempre REI!!
  • Mensagens: 110365
  • 24 de Março de 2019, 20:43
O Benfica tem neste momento um problema de militância nas modalidades que é notório e tem de trabalhar para o resolver tal como resolveu no futebol pois antigamente as médias de assistências também eram baixas.

É preciso resolver o problema desde as bases e ensinar as pessoas a gostarem das modalidades, se lá forem uma, duas, três vezes as pessoas vão voltar e fidelizam-se os adeptos, mas para isto é preciso tirar o cu do sofá, agarrar nuns amigos que nunca lá foram e ir com eles.

O clube tem culpa, os adeptos tem muito mais.

Slipknot_BMC

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 45606
  • SkipNódoas ao seu dispor
  • 24 de Março de 2019, 20:48
A nova vaga do moderador já foi ocupada?!

para la caminha

Eterno Benfica

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 7085
  • ''O meu coração bate por ti! Amo-te Benfica''
  • 24 de Março de 2019, 20:50
Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Então mais vale acabar com o Andebol, por exemplo.
Porque isto é competir para perder.
Não.

Como o Lecter disse, há espaço para com o mesmo nivel de investimento ter uma equipa melhor que esta que so serve para arranhar o Sporting e Porto.

Agora, investir como o Sporting investe, na minha opinião, só quando o pessoal largar o telemovel e aparecer no pavilhão.

Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Se as modalidades já dão prejuízo, e vão continuar a dar, não há porque não investir mais. Afinal ainda somos um clube desportivo, a prioridade é ganhar titulos.
Ja é um buraco, se for um buraco 50x maior continua a ser um buraco.

Basicamente é isso que estas a dizer.

Somos um clube desportivo em que a grande maioria nao quer saber das modalidades. Dos poucos que querem, daqui do SB, metade nao aparece nos pavilhões. Como é obvio o investimento tem de ser equivalente à militancia. E sem conprometer financeiramente o clube.

Caso contrário, pelo teu argumento, teriamos de andar a tirar 30M da SAD para investir no basket para ganhar a Euroliga. Afinal de contas a prioridade é ganhar e somos um clube europeu...

Quando as modalidades gerarem mais dinheiro, que o invistam nos muitos milhoes ja lá investidos a fundo perdido.

Gastas 1M.
O Sporting gasta 3M.

Vais ter o mesmo plantel como?
Fadinhas e artes mágicas?
Sendo mais competente nas compras.

Com o atual investimento deu para lhes ganhar em casa e na 1 fase so nso ganhamos no JR devido a una arbitragem habilidosa.

Se alocarmos o dinheiro de jogadores que nao contribuíram para isso como  Terzic, Patrianova, Ales e João em mais valias para equipa acredito que seja possível ser campeão.

Eterno Benfica

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 7085
  • ''O meu coração bate por ti! Amo-te Benfica''
  • 24 de Março de 2019, 20:51
A nova vaga do moderador já foi ocupada?!

para la caminha
Não quero, obrigado.

Mas ja que perguntas, as cadeiras dos pavilhoes costumo ocupar  :)

Cloughie

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 77970
  • 24 de Março de 2019, 20:59
Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Então mais vale acabar com o Andebol, por exemplo.
Porque isto é competir para perder.
Não.

Como o Lecter disse, há espaço para com o mesmo nivel de investimento ter uma equipa melhor que esta que so serve para arranhar o Sporting e Porto.

Agora, investir como o Sporting investe, na minha opinião, só quando o pessoal largar o telemovel e aparecer no pavilhão.

Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Se as modalidades já dão prejuízo, e vão continuar a dar, não há porque não investir mais. Afinal ainda somos um clube desportivo, a prioridade é ganhar titulos.
Ja é um buraco, se for um buraco 50x maior continua a ser um buraco.

Basicamente é isso que estas a dizer.

Somos um clube desportivo em que a grande maioria nao quer saber das modalidades. Dos poucos que querem, daqui do SB, metade nao aparece nos pavilhões. Como é obvio o investimento tem de ser equivalente à militancia. E sem conprometer financeiramente o clube.

Caso contrário, pelo teu argumento, teriamos de andar a tirar 30M da SAD para investir no basket para ganhar a Euroliga. Afinal de contas a prioridade é ganhar e somos um clube europeu...

Quando as modalidades gerarem mais dinheiro, que o invistam nos muitos milhoes ja lá investidos a fundo perdido.

Gastas 1M.
O Sporting gasta 3M.

Vais ter o mesmo plantel como?
Fadinhas e artes mágicas?
Sendo mais competente nas compras.

Com o atual investimento deu para lhes ganhar em casa e na 1 fase so nso ganhamos no JR devido a una arbitragem habilidosa.

Se alocarmos o dinheiro de jogadores que nao contribuíram para isso como  Terzic, Patrianova, Ales e João em mais valias para equipa acredito que seja possível ser campeão.

Alocas esse dinheiro e compras 1 (no máximo 2) estrangeiro de jeito.
Ou seja, menos opções coisa que no Andebol tens sempre de ter.

Slipknot_BMC

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 45606
  • SkipNódoas ao seu dispor
  • 24 de Março de 2019, 21:01
A nova vaga do moderador já foi ocupada?!

para la caminha
Não quero, obrigado.

Mas ja que perguntas, as cadeiras dos pavilhoes costumo ocupar  :)

E fazes tu muito bem , ja vamos poder aumentar 5€ de orçamento

Anyway sobre isso a mh opinião e facil existe culpa dos adeptos e culpa dos dirigentes mas se o Benfica for buscar grandes nomes o resto vem por arraste.

Com algum exagero se o Benfica fosse hoje buscar o Lebron pa proxima época (é exagero ok ) os pavilhões iam estar cheios.

Redking

  • Sénior
  • ****
  • Mensagens: 1728
  • 24 de Março de 2019, 21:06
O Benfica tem neste momento um problema de militância nas modalidades que é notório e tem de trabalhar para o resolver tal como resolveu no futebol pois antigamente as médias de assistências também eram baixas.

É preciso resolver o problema desde as bases e ensinar as pessoas a gostarem das modalidades, se lá forem uma, duas, três vezes as pessoas vão voltar e fidelizam-se os adeptos, mas para isto é preciso tirar o cu do sofá, agarrar nuns amigos que nunca lá foram e ir com eles.

O clube tem culpa, os adeptos tem muito mais.

Não sendo diretamente relacionado, o problema da militância também tem muito a ver com o problema do desporto em Portugal... a começar nas escolas.

Está aqui um artigo interessante sobre a prática do desporto em Portugal.
https://fronteirasxxi.pt/infografiadesporto/?fbclid=IwAR1-pVXLw8a2LQuUQXTH7DPgp32HMe3-TXuwHOpu3N0zciW94MEDyaXo-jk

Como é que uma pessoa vai gostar de um desporto se nunca o jogou e nem percebe as regras? E quando digo isto não digo gostar do basquetebol do Benfica, porque ai gosta-se é do Benfica. Digo mesmo gostar de basquetebol. Os adeptos aparecem nos jogos grandes por causa da rivalidade....de resto para se ver um jogo com o fafe, o oeiras, o burinhosa, etc, já tem que se gostar mesmo do desporto em si...

Quantas pessoas sabem as regras do basquetebol, a rotação do voleibol, as regras do hóquei etc? Eu bem sei que no futebol também há disto... e muita gente não sabe as regras, mas culturalmente é um amante do futebol...porque é isto que se é em Portugal.

Basicamente, na minha opinião, primeiro, há um problema cultural. Portugal gosta de futebol, e do seu clube de futebol (basta até ver alguma certa avesão à selecção nacional).
Depois há um problema de competitivade. Todos ficamos contentes se o porto fechar portas de uma modalidade ou o sporting, etc. mas não se percebendo o impacto que isso tem para a modalidade...basta ver no próprio futsal, com a crise, e o "desaparecimento" de equipas como o freixieiro, a fundação, etc, que o nível do campeonato desceu. Um exemplo em espanha é o andebol, onde a crise fez cair equipas como o ciudade real. Ou seja, não se percebe que tendo adversários fortes é que deve ser o mote, e não ganhar sem competitivade, pois isso, a curto prazo é engraçado, mas a longo prazo tem consequências nefastas.
Depois há um amadorismo gritante: Como é possível jogos como o de hoje no voleibol ou o de hóquei ontem não se ter transmissão? Em muitos jogos, se não é alguém aqui a postar os resultados, seriam precisas horas para os mesmos aparecerem nos sites de referência... ou seja, não sabemos vender o nosso produto, que em alguns casos é um produto de qualidade. (O Benfica então é vergonhoso ter um canal pago, para dar as modalidades, e não ter um canal de youtube para passar os jogos...)

A crise de militância no Benfica existe, e muito pode e deve ser feito. Agora até podiam trazer o karabatic que os jogos contra o Arsenal de Devesa iriam estar às moscas.... porque a verdade é que hoje em dia, a oferta também é cada vez maior, e não é fácil, mesmo para quem mora ao pé dos pavilhões, ir lá sempre, pois também está a abdicar de muita coisa (alguns fds há 4 ou 5 jogos na Luz) para ir ver jogos de fraca qualidade quando pode ao mesmo tempo acompanhar o jogo na tv ou num stream, e estar a ver um jogo de qualidade da premier league etc...

Os tempos são outros, e a qualidade do produto é cada vez mais importante na escolha para os jovens, e se não se souber tratar bem esse produto (clubes, federações,etc) o futuro é que cada vez menos gente vá aos pavilhões e não o contrário.

Eterno Benfica

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 7085
  • ''O meu coração bate por ti! Amo-te Benfica''
  • 24 de Março de 2019, 21:10
A nova vaga do moderador já foi ocupada?!

para la caminha
Não quero, obrigado.

Mas ja que perguntas, as cadeiras dos pavilhoes costumo ocupar  :)

E fazes tu muito bem , ja vamos poder aumentar 5€ de orçamento

Anyway sobre isso a mh opinião e facil existe culpa dos adeptos e culpa dos dirigentes mas se o Benfica for buscar grandes nomes o resto vem por arraste.

Com algum exagero se o Benfica fosse hoje buscar o Lebron pa proxima época (é exagero ok ) os pavilhões iam estar cheios.
Por acaso a militancia teria um efeito multiplicativo. Isso seriam só as receitas diretas.

Se ha mais pessoas nos pavilhões, os patrocínios também pagam mais, as tvs têm mais interesse, etc.

Quanto ao resto voltamos ao início.

Temos grande equipa no volei, a secção está, para ja, muito bem. A ganhar tudo, com grandes jogadores e equipa técnica.

É a modalidade com pior assistência. Não me parece que seja por aí.

Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Então mais vale acabar com o Andebol, por exemplo.
Porque isto é competir para perder.
Não.

Como o Lecter disse, há espaço para com o mesmo nivel de investimento ter uma equipa melhor que esta que so serve para arranhar o Sporting e Porto.

Agora, investir como o Sporting investe, na minha opinião, só quando o pessoal largar o telemovel e aparecer no pavilhão.

Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Se as modalidades já dão prejuízo, e vão continuar a dar, não há porque não investir mais. Afinal ainda somos um clube desportivo, a prioridade é ganhar titulos.
Ja é um buraco, se for um buraco 50x maior continua a ser um buraco.

Basicamente é isso que estas a dizer.

Somos um clube desportivo em que a grande maioria nao quer saber das modalidades. Dos poucos que querem, daqui do SB, metade nao aparece nos pavilhões. Como é obvio o investimento tem de ser equivalente à militancia. E sem conprometer financeiramente o clube.

Caso contrário, pelo teu argumento, teriamos de andar a tirar 30M da SAD para investir no basket para ganhar a Euroliga. Afinal de contas a prioridade é ganhar e somos um clube europeu...

Quando as modalidades gerarem mais dinheiro, que o invistam nos muitos milhoes ja lá investidos a fundo perdido.

Gastas 1M.
O Sporting gasta 3M.

Vais ter o mesmo plantel como?
Fadinhas e artes mágicas?
Sendo mais competente nas compras.

Com o atual investimento deu para lhes ganhar em casa e na 1 fase so nso ganhamos no JR devido a una arbitragem habilidosa.

Se alocarmos o dinheiro de jogadores que nao contribuíram para isso como  Terzic, Patrianova, Ales e João em mais valias para equipa acredito que seja possível ser campeão.

Alocas esse dinheiro e compras 1 (no máximo 2) estrangeiro de jeito.
Ou seja, menos opções coisa que no Andebol tens sempre de ter.
Menos porquê? Quer o João quer o Terzic tiveram quase 0 influencia na epoca até agora.

Na piorndas hipoteses teriamos as mesmas opcoes. Mas com mais qualidade.

Slb23

  • Moderador
  • *
  • Até Sempre REI!!
  • Mensagens: 110365
  • 24 de Março de 2019, 21:14
O Benfica tem neste momento um problema de militância nas modalidades que é notório e tem de trabalhar para o resolver tal como resolveu no futebol pois antigamente as médias de assistências também eram baixas.

É preciso resolver o problema desde as bases e ensinar as pessoas a gostarem das modalidades, se lá forem uma, duas, três vezes as pessoas vão voltar e fidelizam-se os adeptos, mas para isto é preciso tirar o cu do sofá, agarrar nuns amigos que nunca lá foram e ir com eles.

O clube tem culpa, os adeptos tem muito mais.

Não sendo diretamente relacionado, o problema da militância também tem muito a ver com o problema do desporto em Portugal... a começar nas escolas.

Está aqui um artigo interessante sobre a prática do desporto em Portugal.
https://fronteirasxxi.pt/infografiadesporto/?fbclid=IwAR1-pVXLw8a2LQuUQXTH7DPgp32HMe3-TXuwHOpu3N0zciW94MEDyaXo-jk

Como é que uma pessoa vai gostar de um desporto se nunca o jogou e nem percebe as regras? E quando digo isto não digo gostar do basquetebol do Benfica, porque ai gosta-se é do Benfica. Digo mesmo gostar de basquetebol. Os adeptos aparecem nos jogos grandes por causa da rivalidade....de resto para se ver um jogo com o fafe, o oeiras, o burinhosa, etc, já tem que se gostar mesmo do desporto em si...

Quantas pessoas sabem as regras do basquetebol, a rotação do voleibol, as regras do hóquei etc? Eu bem sei que no futebol também há disto... e muita gente não sabe as regras, mas culturalmente é um amante do futebol...porque é isto que se é em Portugal.

Basicamente, na minha opinião, primeiro, há um problema cultural. Portugal gosta de futebol, e do seu clube de futebol (basta até ver alguma certa avesão à selecção nacional).
Depois há um problema de competitivade. Todos ficamos contentes se o porto fechar portas de uma modalidade ou o sporting, etc. mas não se percebendo o impacto que isso tem para a modalidade...basta ver no próprio futsal, com a crise, e o "desaparecimento" de equipas como o freixieiro, a fundação, etc, que o nível do campeonato desceu. Um exemplo em espanha é o andebol, onde a crise fez cair equipas como o ciudade real. Ou seja, não se percebe que tendo adversários fortes é que deve ser o mote, e não ganhar sem competitivade, pois isso, a curto prazo é engraçado, mas a longo prazo tem consequências nefastas.
Depois há um amadorismo gritante: Como é possível jogos como o de hoje no voleibol ou o de hóquei ontem não se ter transmissão? Em muitos jogos, se não é alguém aqui a postar os resultados, seriam precisas horas para os mesmos aparecerem nos sites de referência... ou seja, não sabemos vender o nosso produto, que em alguns casos é um produto de qualidade. (O Benfica então é vergonhoso ter um canal pago, para dar as modalidades, e não ter um canal de youtube para passar os jogos...)

A crise de militância no Benfica existe, e muito pode e deve ser feito. Agora até podiam trazer o karabatic que os jogos contra o Arsenal de Devesa iriam estar às moscas.... porque a verdade é que hoje em dia, a oferta também é cada vez maior, e não é fácil, mesmo para quem mora ao pé dos pavilhões, ir lá sempre, pois também está a abdicar de muita coisa (alguns fds há 4 ou 5 jogos na Luz) para ir ver jogos de fraca qualidade quando pode ao mesmo tempo acompanhar o jogo na tv ou num stream, e estar a ver um jogo de qualidade da premier league etc...

Os tempos são outros, e a qualidade do produto é cada vez mais importante na escolha para os jovens, e se não se souber tratar bem esse produto (clubes, federações,etc) o futuro é que cada vez menos gente vá aos pavilhões e não o contrário.
Excelente post, para ler e reler.

Está aqui tudo.

Slipknot_BMC

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 45606
  • SkipNódoas ao seu dispor
  • 24 de Março de 2019, 21:16
O Benfica tem neste momento um problema de militância nas modalidades que é notório e tem de trabalhar para o resolver tal como resolveu no futebol pois antigamente as médias de assistências também eram baixas.

É preciso resolver o problema desde as bases e ensinar as pessoas a gostarem das modalidades, se lá forem uma, duas, três vezes as pessoas vão voltar e fidelizam-se os adeptos, mas para isto é preciso tirar o cu do sofá, agarrar nuns amigos que nunca lá foram e ir com eles.

O clube tem culpa, os adeptos tem muito mais.

Não sendo diretamente relacionado, o problema da militância também tem muito a ver com o problema do desporto em Portugal... a começar nas escolas.

Está aqui um artigo interessante sobre a prática do desporto em Portugal.
https://fronteirasxxi.pt/infografiadesporto/?fbclid=IwAR1-pVXLw8a2LQuUQXTH7DPgp32HMe3-TXuwHOpu3N0zciW94MEDyaXo-jk

Como é que uma pessoa vai gostar de um desporto se nunca o jogou e nem percebe as regras? E quando digo isto não digo gostar do basquetebol do Benfica, porque ai gosta-se é do Benfica. Digo mesmo gostar de basquetebol. Os adeptos aparecem nos jogos grandes por causa da rivalidade....de resto para se ver um jogo com o fafe, o oeiras, o burinhosa, etc, já tem que se gostar mesmo do desporto em si...

Quantas pessoas sabem as regras do basquetebol, a rotação do voleibol, as regras do hóquei etc? Eu bem sei que no futebol também há disto... e muita gente não sabe as regras, mas culturalmente é um amante do futebol...porque é isto que se é em Portugal.

Basicamente, na minha opinião, primeiro, há um problema cultural. Portugal gosta de futebol, e do seu clube de futebol (basta até ver alguma certa avesão à selecção nacional).
Depois há um problema de competitivade. Todos ficamos contentes se o porto fechar portas de uma modalidade ou o sporting, etc. mas não se percebendo o impacto que isso tem para a modalidade...basta ver no próprio futsal, com a crise, e o "desaparecimento" de equipas como o freixieiro, a fundação, etc, que o nível do campeonato desceu. Um exemplo em espanha é o andebol, onde a crise fez cair equipas como o ciudade real. Ou seja, não se percebe que tendo adversários fortes é que deve ser o mote, e não ganhar sem competitivade, pois isso, a curto prazo é engraçado, mas a longo prazo tem consequências nefastas.
Depois há um amadorismo gritante: Como é possível jogos como o de hoje no voleibol ou o de hóquei ontem não se ter transmissão? Em muitos jogos, se não é alguém aqui a postar os resultados, seriam precisas horas para os mesmos aparecerem nos sites de referência... ou seja, não sabemos vender o nosso produto, que em alguns casos é um produto de qualidade. (O Benfica então é vergonhoso ter um canal pago, para dar as modalidades, e não ter um canal de youtube para passar os jogos...)

A crise de militância no Benfica existe, e muito pode e deve ser feito. Agora até podiam trazer o karabatic que os jogos contra o Arsenal de Devesa iriam estar às moscas.... porque a verdade é que hoje em dia, a oferta também é cada vez maior, e não é fácil, mesmo para quem mora ao pé dos pavilhões, ir lá sempre, pois também está a abdicar de muita coisa (alguns fds há 4 ou 5 jogos na Luz) para ir ver jogos de fraca qualidade quando pode ao mesmo tempo acompanhar o jogo na tv ou num stream, e estar a ver um jogo de qualidade da premier league etc...

Os tempos são outros, e a qualidade do produto é cada vez mais importante na escolha para os jovens, e se não se souber tratar bem esse produto (clubes, federações,etc) o futuro é que cada vez menos gente vá aos pavilhões e não o contrário.

Mt verdade ai.... um dos grandes males é mesmo a falta de deporto escolar ,isso a juntar com uma enorme oferta de entretinimento a maior parte das crianças/adolescentes não querem saber de modalidades para nada.

Tenho 36 anos e na minha infância o que mais não via era malta a jogar a bola em todo o lado com qualquer coisa.

Ou malta a jogar basquet.

Hoje em dia é raro ver malta a jogar a bola na rua com amigos e ainda mais raro ver a jogar basquet.

O "entretenimento" e a Tv disponivel e tanta que a malta não quer ir ver desporto.

Avante

  • Iniciado
  • *
  • Mensagens: 1664
  • Garotão
  • 24 de Março de 2019, 22:03
Uma forma de chamar pessoal aos pavilhoes é ter grandes equipas

Uma forma de ter grandes equipas é encher os pavilhões e mostrar aos dirigentes que nos preocupamos com as modalidades.

Funciona para os dois lados e nenhuma das entidades (adeptos e direção) está a fazer o seu trabalho devidamente.
Claro.

Se nao há publico nem retorno do dinheiro colocado nas modalidades, qual é o motivo para torrar ainda mais milhões?

Tachos para segurar Vigareira no poder.

DB4700

  • Velha Glória
  • *****
  • Dublin
  • Mensagens: 4903
  • 24 de Março de 2019, 22:23
Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Então mais vale acabar com o Andebol, por exemplo.
Porque isto é competir para perder.
Não.

Como o Lecter disse, há espaço para com o mesmo nivel de investimento ter uma equipa melhor que esta que so serve para arranhar o Sporting e Porto.

Agora, investir como o Sporting investe, na minha opinião, só quando o pessoal largar o telemovel e aparecer no pavilhão.

Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Se as modalidades já dão prejuízo, e vão continuar a dar, não há porque não investir mais. Afinal ainda somos um clube desportivo, a prioridade é ganhar titulos.
Ja é um buraco, se for um buraco 50x maior continua a ser um buraco.

Basicamente é isso que estas a dizer.

Somos um clube desportivo em que a grande maioria nao quer saber das modalidades. Dos poucos que querem, daqui do SB, metade nao aparece nos pavilhões. Como é obvio o investimento tem de ser equivalente à militancia. E sem conprometer financeiramente o clube.

Caso contrário, pelo teu argumento, teriamos de andar a tirar 30M da SAD para investir no basket para ganhar a Euroliga. Afinal de contas a prioridade é ganhar e somos um clube europeu...

Quando as modalidades gerarem mais dinheiro, que o invistam nos muitos milhoes ja lá investidos a fundo perdido.

Gastas 1M.
O Sporting gasta 3M.

Vais ter o mesmo plantel como?
Fadinhas e artes mágicas?

a questão também é: será que o Sporting para o ano vai manter um orçamento desses?

Bethinho

  • Eusébio
  • ******
  • Paranhos,Porto
  • Mensagens: 30213
  • 24 de Março de 2019, 22:39
Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Então mais vale acabar com o Andebol, por exemplo.
Porque isto é competir para perder.
Não.

Como o Lecter disse, há espaço para com o mesmo nivel de investimento ter uma equipa melhor que esta que so serve para arranhar o Sporting e Porto.

Agora, investir como o Sporting investe, na minha opinião, só quando o pessoal largar o telemovel e aparecer no pavilhão.

Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Se as modalidades já dão prejuízo, e vão continuar a dar, não há porque não investir mais. Afinal ainda somos um clube desportivo, a prioridade é ganhar titulos.
Ja é um buraco, se for um buraco 50x maior continua a ser um buraco.

Basicamente é isso que estas a dizer.

Somos um clube desportivo em que a grande maioria nao quer saber das modalidades. Dos poucos que querem, daqui do SB, metade nao aparece nos pavilhões. Como é obvio o investimento tem de ser equivalente à militancia. E sem conprometer financeiramente o clube.

Caso contrário, pelo teu argumento, teriamos de andar a tirar 30M da SAD para investir no basket para ganhar a Euroliga. Afinal de contas a prioridade é ganhar e somos um clube europeu...

Quando as modalidades gerarem mais dinheiro, que o invistam nos muitos milhoes ja lá investidos a fundo perdido.

Gastas 1M.
O Sporting gasta 3M.

Vais ter o mesmo plantel como?
Fadinhas e artes mágicas?

a questão também é: será que o Sporting para o ano vai manter um orçamento desses?

mas há duvidas?

Dr.Lecter

  • Moderador
  • *
  • Mensagens: 15990
  • Doveryai, no proveryai.
  • 24 de Março de 2019, 22:45
Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Então mais vale acabar com o Andebol, por exemplo.
Porque isto é competir para perder.
Não.

Como o Lecter disse, há espaço para com o mesmo nivel de investimento ter uma equipa melhor que esta que so serve para arranhar o Sporting e Porto.

Agora, investir como o Sporting investe, na minha opinião, só quando o pessoal largar o telemovel e aparecer no pavilhão.

Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Se as modalidades já dão prejuízo, e vão continuar a dar, não há porque não investir mais. Afinal ainda somos um clube desportivo, a prioridade é ganhar titulos.
Ja é um buraco, se for um buraco 50x maior continua a ser um buraco.

Basicamente é isso que estas a dizer.

Somos um clube desportivo em que a grande maioria nao quer saber das modalidades. Dos poucos que querem, daqui do SB, metade nao aparece nos pavilhões. Como é obvio o investimento tem de ser equivalente à militancia. E sem conprometer financeiramente o clube.

Caso contrário, pelo teu argumento, teriamos de andar a tirar 30M da SAD para investir no basket para ganhar a Euroliga. Afinal de contas a prioridade é ganhar e somos um clube europeu...

Quando as modalidades gerarem mais dinheiro, que o invistam nos muitos milhoes ja lá investidos a fundo perdido.

Gastas 1M.
O Sporting gasta 3M.

Vais ter o mesmo plantel como?
Fadinhas e artes mágicas?

a questão também é: será que o Sporting para o ano vai manter um orçamento desses?

O Sporting tem margem para libertar orçamento sem perder muita qualidade. Saindo Solha, Pedroso e Carneiro, já saíram o Asanin e o bósnio. Contratam um lateral-direito, já trouxeram o Bingo, integram o Salvador, o Gonçalo Vieira (já contratado) e eventualmente o Gonçalo Ribeiro e ficam com uma equipa igual ou melhor e a gastar menos.

E se fossem finos pensavam mandar o Tiago Rocha embora por um pivot com outro perfil. Esse ganha um absurdo para o que produz.

DB4700

  • Velha Glória
  • *****
  • Dublin
  • Mensagens: 4903
  • 25 de Março de 2019, 00:23
Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Então mais vale acabar com o Andebol, por exemplo.
Porque isto é competir para perder.
Não.

Como o Lecter disse, há espaço para com o mesmo nivel de investimento ter uma equipa melhor que esta que so serve para arranhar o Sporting e Porto.

Agora, investir como o Sporting investe, na minha opinião, só quando o pessoal largar o telemovel e aparecer no pavilhão.

Que spin no tema inicial que era o Benfica não investir como o Sporting.

Para mim é claro: enquanto as assistencias nas modalidades forem estas, não há qualquer justificação para se aumentar mais o 'investimento'.

Manter o nível de investimento que não ameace se quer a estabilidade financeira do clube.

Qualquer aumento nos milhões ja alocados tem de vir de dinheiro gerado pelas modalidades.

Se as modalidades já dão prejuízo, e vão continuar a dar, não há porque não investir mais. Afinal ainda somos um clube desportivo, a prioridade é ganhar titulos.
Ja é um buraco, se for um buraco 50x maior continua a ser um buraco.

Basicamente é isso que estas a dizer.

Somos um clube desportivo em que a grande maioria nao quer saber das modalidades. Dos poucos que querem, daqui do SB, metade nao aparece nos pavilhões. Como é obvio o investimento tem de ser equivalente à militancia. E sem conprometer financeiramente o clube.

Caso contrário, pelo teu argumento, teriamos de andar a tirar 30M da SAD para investir no basket para ganhar a Euroliga. Afinal de contas a prioridade é ganhar e somos um clube europeu...

Quando as modalidades gerarem mais dinheiro, que o invistam nos muitos milhoes ja lá investidos a fundo perdido.

Gastas 1M.
O Sporting gasta 3M.

Vais ter o mesmo plantel como?
Fadinhas e artes mágicas?

a questão também é: será que o Sporting para o ano vai manter um orçamento desses?

O Sporting tem margem para libertar orçamento sem perder muita qualidade. Saindo Solha, Pedroso e Carneiro, já saíram o Asanin e o bósnio. Contratam um lateral-direito, já trouxeram o Bingo, integram o Salvador, o Gonçalo Vieira (já contratado) e eventualmente o Gonçalo Ribeiro e ficam com uma equipa igual ou melhor e a gastar menos.

E se fossem finos pensavam mandar o Tiago Rocha embora por um pivot com outro perfil. Esse ganha um absurdo para o que produz.

a questão é que o Sporting teve que pedir um empréstimo para pagar dívidas se não entrava em default. seria uma irreponsabilidade gigante andar a gastar 2M (ou seja lá quanto for que eles baixassem tirando esses jogadores) num desporto que não gera uma receita que seja 1/8 desse valor