63738 - Tópico: Daniela Santos emprestada ao Damaiense  (Lida 3792 vezes)

JM21

  • Eusébio
  • ******
  • O Arraso.
  • Mensagens: 54208
  • 27 de Junho de 2019, 01:31
Boa renovação. Outra das futuras craques do futuro.

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 12362
  • 30 de Novembro de 2019, 13:48

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 12362
  • 24 de Abril de 2020, 21:37
[Video no link.]

Daniela Santos: "Quando voltarmos, vai ser com muita garra"

Uma das capitãs da equipa feminina de futebol Sub-19 do Benfica esteve à conversa com a BTV, onde falou do seu dia a dia nesta fase de confinamento.



A cumprir o isolamento social obrigatório devido à COVID-19, Daniela Santos, uma das capitãs da equipa feminina de futebol Sub-19 do Benfica, contou à BTV como tem sido a sua rotina diária, projetando um futuro com "garra e vontade de vencer".

Como está a ser a sua quarentena?

Tem sido um pouco monótona, porque a rotina às vezes acaba por ser a mesma. De manhã e à tarde tenho aulas, e no final do dia faço os treinos que o nosso fisiologista, que tem estado sempre em contacto connosco, nos manda. Seguimos os planos todos.

Como é a rotina de treinos?

O suposto é fazemos três dias de treinos e depois dois ou três dias de descanso, se der jeito, fazer intervalado. Mas o fisiologista dá-nos a liberdade para controlarmos isso desde que cumpramos o plano.



Qual tem sido o maior desafio desses treinos?

Penso que por vezes é mesmo a vontade. Uma pessoa tem dias que tem aulas desde as 8h00 até às 19h00, no meu caso, e depois de uma carga horária muito grande, arranjar vontade para treinar às vezes não é fácil, mas somos jogadoras do Benfica e sabemos que é uma exigência que temos de seguir e não há desculpas, tem de se fazer o trabalho. Neste momento, temos os treinos dados pelo fisiologista, que basicamente são treinos de ginásio, temos também os treinos que o fisioterapeuta nos dá, de forma a prevenirmos as nossas lesões, e depois o treinador adjunto ainda nos deu mais exercícios para trabalharmos o equilíbrio e a coordenação motora. Basicamente para que as rotinas que tínhamos antes de isto acontecer se mantenham ao máximo.

Tem havido conexão com as restantes colegas de equipa?

Sim, claro. Lembro-me que, logo no dia seguinte ao Benfica ter cancelado os treinos, o míster ligou-me para dizer que já tinham muitas atividades e planos para fazermos durante a quarentena, de modo a não perdermos o contacto com os treinadores nem entre nós, jogadoras. Desde o início da quarentena até então temos falado praticamente todos os dias pelo grupo que temos no WhatsApp. Mas todas as quintas-feiras, às 19h00, fazemos uma videochamada com a equipa toda e é muito engraçado.



Como perspetivam o futuro?

Não sabemos quando vamos voltar, estamos a ver como é que isto corre. Ficámos tristes por não termos acabado este Campeonato, mas de certeza que, quando voltarmos, vamos voltar com muita garra e muita vontade.

Que balanço fazem da época, tendo em conta o período que jogaram?

Foi uma época bastante positiva. A época acabou e nós não tínhamos nenhuma derrota. Acabámos a primeira fase em 1.º lugar e sinceramente estávamos todas muito ansiosas para poder continuar, porque ganhar o Campeonato era um dos nossos objetivos. Obviamente que ficámos tristes com a decisão, mas primeiro vem a saúde e a segurança.

https://www.slbenfica.pt/agora/noticias/2020/04/24/futebol-feminino-equipa-sub-19-entrevista-daniela-santos-btv

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 12362
  • 16 de Julho de 2020, 13:56
SETE JOVENS FUTEBOLISTAS EMPRESTADAS
Atletas jogaram pelo SL Benfica na Liga Feminina Sub-19 e alinharão em 2020/21 no SF Damaiense.

O Sport Lisboa e Benfica informa que a guarda-redes Adriana Rocha, as defesas Ana Assucena e Carolina Correia, as médias Daniela Santos e Madalina Tatar e as avançadas Lara Pintassilgo e Carolina Santana representarão em 2020/21, por empréstimo, o Sport Futebol Damaiense.

Estas futebolistas competiram, na última época, na Liga Feminina Sub-19 com a camisola do SL Benfica e são regularmente convocadas para os trabalhos das seleções jovens – Madalina com as cores da Roménia.

As sete futebolistas referidas terão, assim, oportunidade de amadurecer e evoluir com o trabalho e exposição intensiva ao nível competitivo da Liga BPI, integrando uma equipa que se estreia no escalão máximo nacional e que terá um plantel com um núcleo de jogadoras de uma faixa etária baixa.

https://www.slbenfica.pt/pt-PT/Agora/Noticias/2020/07/16/futebol-feminino-benfica-sete-jovens-futebolistas-emprestadas

BlankFile

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 130047
  • 16 de Julho de 2020, 13:58
Boa sorte no Damaiense.

Que jogue com regularidade.

JM21

  • Eusébio
  • ******
  • O Arraso.
  • Mensagens: 54208
  • 16 de Julho de 2020, 14:31
Tem muito valor. De certeza que vai ter muitos minutos.

Boa sorte!  :slb2:

TeamRocket37

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 38909
  • Team Rocket à velocidade da luz vai atacar o 38!
  • 21 de Julho de 2020, 10:24
Eu sou fã desta miúda, mais do que a Beatriz Cameirão, veremos esta época se consegue subir patamares necessários a voltar ao plantel do Benfica.

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 12362
  • 21 de Julho de 2020, 18:43

Gradinni

  • Eusébio
  • ******
  • Alenquer
  • Mensagens: 8572
  • Escusas de ficar descansado!
  • 21 de Julho de 2020, 20:07
Esta epoca o Damaiense vai dominar as convocatorias das seleçoes jovens

LFVL

  • Eusébio
  • ******
  • Santa Comba Dão
  • Mensagens: 15986
  • 14 de Janeiro de 2021, 09:45
Ontem com uma assistência aos 15 minutos e aos 18... que saco que ela meteu do meio da rua... vejam no video do jogo... https://fb.watch/2-P2rh2GKR/
QUE GOLÃO!

anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 12362
  • 14 de Janeiro de 2021, 17:11
Ontem com uma assistência aos 15 minutos e aos 18... que saco que ela meteu do meio da rua... vejam no video do jogo... https://fb.watch/2-P2rh2GKR/
QUE GOLÃO!




anarcos

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 12362
  • 14 de Janeiro de 2021, 22:45


Meia hora de sonho para a incansável Daniela

Várias foram as prestações a roçar a excelência e a contribuir para a vitória do Damaiense sobre o Estoril na noite passada, mas uma delas em particular esteve acima de todas as outras e encerrou a primeira fase da época da melhor forma possível – Daniela Santos foi figura em todos os momentos do jogo, desde o aspeto coletivo, no qual foi incansável a meio-campo formando a habitual dupla no centro do terreno com Patrícia Barreiros, até ao individual, que facilmente se descortina pela assistência para o primeiro golo do jogo e, especialmente, o fantástico golo da sua autoria que na altura impunha o 2-0 no resultado.

Um golo e uma assistência na primeira meia hora de jogo foram o ponto alto da sua prestação, em especial o grande golo que marcou, que certamente se coloca entre os melhores da primeira fase do campeonato – um fantástico ‘tiro’ de meia distância indefensável para a guarda-redes do Estoril, Isabel Peixeiro.  “Acho que o balneário está bem, sabíamos que obter a vitória aqui era muito importante para ir com o máximo de pontos possível para a segunda fase para podermos cumprir o nosso objetivo, que é a manutenção,” afiançou logo depois de celebrar a importante vitória.

Com sorriso tímido, Daniela não se alongou sobre a prestação individual, apontando ao coletivo

Dani, como é conhecida e de resto as suas companheiras entoaram a bom som quando passaram pela saída do relvado, onde analisava o resultado e a sua exibição em particular, não escondeu a satisfação por ter feito parte de um grupo reduzido a nível de efetivos devido a alguns casos de COVID19, outros de isolamento profilático e ainda algumas lesões que ainda assim se conseguiu manter competitivo. “Entre COVID e lesões, realmente tivemos aqui hoje um plantel muito reduzido, mas o futebol é assim e com a pandemia temos de habituar-nos cada vez mais porque é futebol,” considera a médio.

“Sabemos que temos de adaptar-nos porque senão o fizermos nós é que sofremos, portanto tem de vir aqui, de nós,” expressou antes de se mostrar humilde no momento de falar de si própria. Sobre se esta terá sido a sua melhor exibição da temporada até ao momento, Daniela Santos respondeu “não sei,” com um sorriso tímido próprio dos seus jovens 19 anos, acrescentando que “aqui o foco é ajudar a equipa, o individual claro que faz sobressair a equipa, mas o foco é sempre o coletivo e não o individual”, um pensamento que tem por hábito aplicar em campo.

Afinal, Daniela faz-se conhecer como uma médio de características mais defensivas que não se esconde no momento de apoiar o ataque da equipa, como de resto provou ante o Estoril ao ter marcado o seu primeiro golo na época. Dadas as suas funções, a atleta cedida pelo Benfica ao Damaiense indicou que “espero voltar a marcar, mas tenho um papel mais defensivo, mas é isso, sempre bom poder ajudar a equipa com um golo,” momento certamente bem-vindo na fase de manutenção que espera o Damaiense, que representou nas nove jornadas colocadas pela Série Sul da Liga BPI.

https://ladof.pt/meia-hora-de-sonho-para-a-incansavel-daniela/

BlankFile

  • Eusébio
  • ******
  • Mensagens: 130047
  • 14 de Janeiro de 2021, 23:46
Que golaço...

Tem muito potencial. É uma trinco de qualidade.

LFVL

  • Eusébio
  • ******
  • Santa Comba Dão
  • Mensagens: 15986
  • 15 de Janeiro de 2021, 09:53
Que golaço...

Tem muito potencial. É uma trinco de qualidade.

Conheço bem a Daniela como jogadora. Jogou até aos sub17 n'O Pinguinzinho (campeonato masculino), clube da minha terra. Disputou o Nacionais e sempre se destacou e era titularissima e capitã. Muita qualidade a equilibrar os tempos de jogos... forte no desarme e com grande inteligência na organização e transições. Além disso, é uma miuda muito sossegadinha.

PJ98

  • Sénior
  • ****
  • Mensagens: 1319
  • 15 de Janeiro de 2021, 10:43
Que golaço...

Tem muito potencial. É uma trinco de qualidade.

Conheço bem a Daniela como jogadora. Jogou até aos sub17 n'O Pinguinzinho (campeonato masculino), clube da minha terra. Disputou o Nacionais e sempre se destacou e era titularissima e capitã. Muita qualidade a equilibrar os tempos de jogos... forte no desarme e com grande inteligência na organização e transições. Além disso, é uma miuda muito sossegadinha.
SANTA COMBA